Entrada em campo

António Magalhães
António Magalhães

Mais uma agressão ao futebol

Mais um árbitro foi agredido nos campos nacionais. Os episódios sucedem-se o que faz da ‘profissão’ de árbitro, cada vez mais, uma atividade que só heróis ou loucos estarão dispostos a exercer. Ontem, a agressão ocorreu numa competição que está na antecâmara do futebol profissional, mas a barbárie alastra por todo o país e em todas as categorias e quadros competitivos.

Os árbitros exigem proteção, o que é natural, mas nem isso valeu a José Rodrigues, o árbitro portuense nascido um mês depois do 25 de abril de 1974 e que foi agredido em Rio Tinto, pois a autoridade estava presente e, por sinal, até com mais agentes do que é habitual. Acresce que a impunidade com que o Canelas tem vivido, atendendo ao historial de violência que lhe está associado, não é aceitável. Aos olhos do cidadão comum custa a entender como é que continua a competir, independentemente das limitações que eventualmente haverá para agir em conformidade.

O que se passou em Rio Tinto não é só uma agressão a um árbitro. É uma agressão ao futebol. A ameaça de violência constante que paira sobre alguns dos protagonistas e sobre os verdadeiros adeptos do futebol já não é apenas preocupante. Tornou-se verdadeiramente assustadora.

Há um problema grave de educação no desporto português, especialmente no futebol. Desde a pressão que os pais exercem sobre filhos de 6 ou 7 anos ao ódio que adeptos nutrem pelos adversários – chega a ser maior do que o amor ao próprio clube! –, passando pela ira dirigida aos árbitros e atitudes de dirigentes incendiários e jogadores sem ética nem fair play. Ora, este é um problema de fundo que não se resolve com mais polícia nos campos. É uma responsabilidade maior, de todos nós e em primeira instância do próprio Estado.

2
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.