Entrada em campo

António Magalhães
António Magalhães

Vida bela e vida dura

O Sporting arrancou o ano em 2.º lugar e com três jogos de elevada dificuldade pela frente: FC Porto, V. Setúbal e Sp. Braga. Com o triunfo no clássico recuperou a liderança; com a goleada em Setúbal reforçou a posição; com uma vitória no próximo jogo fechará o ciclo de forma virtuosa. Mais do que isso, ficará com o estatuto de favorito ao título, mesmo que resista a vestir essa pele.
Depois de um clássico exigente, a visita ao Bonfim encerrava grandes riscos, não apenas pelo desgaste acumulado mas também pela qualidade do adversário. O Sporting fez, contudo, um dos melhores jogos da época e nem por um momento a conquista dos 3 pontos esteve sob ameaça. Se havia alguma dúvida sobre a capacidade de resposta que o Sporting poderia dar em Setúbal, ela durou menos do que um pau de fósforo a arder. A resposta foi avassaladora!

Será tentador brincar com a acusação que Rui Vitória lançou na conferência de imprensa antes do jogo com o Marítimo. Porquê? Porque a obsessão de Jesus pelo Benfica é tão grande que não quis ficar atrás do número de golos apontado pelas águias. Piadas e guerras à parte, foram jogos e contextos bem distintos, mas a verdade é que na Luz respira-se agora uma atmosfera mais alegre e confiante.

O Porto vive nos antípodas da capital e os sentimentos começam a transformar-se. Mas se seria expectável que à contestação se seguisse a revolta, um estranho conformismo instalou-se entre os adeptos. Além do pouco público que esteve presente no Dragão, a reação ao empate com o Rio Ave não passou de assobios e lenços brancos.

Como diz Lopetegui, a vida está dura. No entanto, resta saber, mesmo perante esta calma de morte, até que ponto se torna insustentável.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.