Saída de campo

Bernardo Ribeiro
Bernardo Ribeiro Diretor de Record

Leão anda à deriva

Bruno de Carvalho tenta por todos os meios manter-se no poder no Sporting. Está no seu direito. Foi democraticamente eleito e por esmagadora maioria. É pena que tenha chegado a este ponto. Abandonado por Mesa da AG, Conselho Fiscal e parte do Conselho Diretivo e ainda de candeias às avessas com treinador e plantel. Como pode ter desbaratado tão grande capital de confiança em tão pouco tempo e conduzido tantos processos com os pés que estavam mais à mão é algo digno de estudo.

Inácio foi de uma sinceridade pouco habitual no futebol. Foi contratado para "juntar os cacos". É de facto disso que se trata hoje em Alvalade. No futebol como no resto. O clube é hoje uma família dividida, em que uns falam de assembleia de destituição, outros tudo fazem para a evitar, sem que ninguém tenha um pingo de bom senso para perceber que o melhor era, de facto, deitar tudo abaixo, convocar eleições e erguer um novo projeto. Fosse ele um dos muitos que já se perfilam para suceder a BdC ou o próprio, novamente legitimado pelo voto de um povo que admira parte do que fez mas não entende como se pode destruir quase tudo em menos de um fósforo.

O bom senso não mora ali. Melhor exemplo? A nova troca de argumentos entre Marta Soares e direção. É tudo muito triste. Pobre Sporting.

1
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais