Saída de campo

Nuno Farinha
Nuno Farinha Diretor adjunto

O melhor exemplo

A ideia que Manuel Machado tentou ‘pôr no mapa’ jaz morta e arrefece. Em primeiro lugar, porque não há razão para se temer um desequilíbrio maior no futebol português do que aquele que sempre existiu. Em segundo, porque a qualidade e a competência dos treinadores será sempre a melhor solução para encurtar distâncias entre grandes, médios e pequenos.

O Rio Ave que bateu o pé ao Benfica é o exemplo perfeito que serve para contrariar o discurso fatalista que o técnico do Moreirense tinha deixado há uma semana. O que Miguel Cardoso demonstrou ontem frente ao campeão nacional é que não é necessário uma equipa ter assim tanto dinheiro para jogar como um grande. Foi exatamente isso que o Rio Ave fez ao ponto de ter conseguido inverter os papéis durante 45 minutos, com o Rio Ave a jogar à Benfica e o Benfica obrigado a jogar à Rio Ave.

Manuel Machado está convencido que, "por muito que se trabalhe, haverá sempre um sobredotado que joga de vermelho, verde ou azul, que desmonta aquilo tudo sozinho". Não é verdade. Quando se trabalha bem é possível travar os sobredotados. E mesmo que um desses génios de vermelho tivesse ontem acabado por dar a vitória ao Benfica, a proposta tática, a exibição e a coragem do Rio Ave continuariam a merecer ser realçadas. O problema é quando se perde com ideias pequenas.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.