Verde na bola

Daniel Oliveira
Daniel Oliveira Analista Político

A queda

Havia um mito sobre o Futebol Clube do Porto: o de que, graças à sua extraordinária organização e disciplina, tinha um balneário blindado, uma máquina infalível e jogadores sempre na linha. Na realidade, não eram apenas os jogadores que andavam na linha. Os árbitros também se juntavam à formação ordenada. Digo que era um mito porque isso foi apenas verdade há muitos anos, quando Pinto de Costa tomou as rédeas do poder. Depois, limitou-se a colher os frutos. Já não era máquina nenhuma. Eram as vitórias. Não é no Porto que as equipas vencedoras têm balneários pacificados, treinadores eficazes, presidentes com autoridade, árbitros submissos. É no mundo. E, talvez porque se sinta o fim do ciclo, talvez porque o futebol é hoje muito diferente, as derrotas vieram. E com elas vieram as birras, as zangas, os boatos, as injustiças. Sei do que falo. O Sporting viveu assim muitos anos. Quando Maicon sai do campo sem autorização, quando a sua mulher acusa nas redes sociais o departamento médico pela situação do seu marido, quando Brahimi protesta contra as decisões do treinador de forma visível, quando os árbitros começam a prejudicar o Porto, isso é uma consequência dos maus resultados. É evidente que o Porto já não é o que era. É um ciclo que se fecha com o fim do mandato de Pinto da Costa, um homem que fez tudo pelo seu clube menos preparar convenientemente a sua sucessão.

Como saberão, nunca fui dos sportinguistas que se movem pela rivalidade com o Benfica. O meu maior adversário é sempre quem representar maior risco. Tenho por isso pena que, esta semana, o Porto esteja a viver tanta agitação. Logo agora, quando descubro que, no fundo, sou portista desde pequenino.

2
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.