Entrada em campo

Nuno Farinha
Nuno Farinha Diretor adjunto

Dois bombons para Cristiano Ronaldo

2016 está a ser um ano inesquecível mas também algo estranho para Cristiano Ronaldo. Um pouco à imagem do mês que viveu em França durante o Campeonato da Europa, com um conjunto de exibições que oscilaram entre o bom e o modesto, com poucos golos (para o que é hábito) e uma final que será sempre recordada por muitas lágrimas. De tristeza, ao início, quando teve de abandonar o relvado por lesão. E de incontrolável alegria, ao final da noite, quando subiu à tribuna para levantar o troféu mais importante da carreira.

O Euro não foi o único momento de glória para CR7 este ano. Em Milão, em maio, tinha já vencido a Champions pelo Real Madrid. Numa final pobre, daquelas que não deixam motivos para que a memória as conserve, mas que Ronaldo acabou por decidir com o pontapé decisivo no desempate por penáltis. Ora, a questão é que, depois da Liga dos Campeões e do Europeu, e com a chegada da nova época, CR não voltou a ser CR. O rendimento caiu de forma preocupante após aquela lesão provocada por Payet, em Paris. E o capitão ainda não voltou.

Os números em 2016/17, de facto, são demasiado modestos: 6 jogos, 3 golos. Foi o livre direto que bateu Rui Patrício e dois ‘encostos’ simples, um frente ao Dortmund e outro no jogo com o Osasuna. No Bernabéu já voltou a escutar assobios e na deslocação ao campo do Las Palmas aconteceu o que não estava previsto: Zidane substituiu-o. A média goleadora de CR pelo Real é, incrivelmente, superior a 1 golo por jogo. Nesta temporada, com os tais 3 golos em 6 jogos, está em 0,5. No Euro foi ainda mais baixa. Estes dois jogos, com Andorra e Ilhas Faroé, parecem perfeitos para o regresso à Seleção. Depois da derrota inesperada na Suíça, há 6 pontos para fazer… e muitos golos para marcar. Vamos lá, então.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.