Caderno de Apontamentos

Jorge Barbosa
Jorge Barbosa Editor chefe

Os bons hábitos da Seleção

Vai bem a Seleção Nacional na corrida pelo apuramento para o Mundial’ 2018, numa altura em que as exigências são máximas ou não fossemos campeões da Europa; um título que deixou muita gente de boca aberta, mas só possível porque o prestígio é sempre o que somos e tem uma relação direta com o orgulho e a autoconfiança. Portugal tem quatro vitórias e uma derrota, precisamente contra a Suíça, líder do grupo B, e dispõe do melhor ataque e da melhor defesa, dependendo só de si para se apurar, o que é de todo possível por todas as razões e mais uma.

Nos dias de hoje, a Seleção Nacional funciona como equipa, colocando em campo três valores fundamentais da alta competição: ordem, tranquilidade e atrevimento. A nossa Seleção tem um líder, o indiscutível Fernando Santos, e tem um rumo, para além de ser constituída por uma geração de vencedores e de novas promessas não menos valiosas, devendo realçar-se aqui André Silva, um jovem que, depois de Ronaldo ter dito o que disse dele, ficou com todas as oportunidades à sua disposição. Portanto, parece que nada nos falta para chegar ainda mais longe.

Com Fernando Santos sabemos quem somos e somos uma equipa de hábitos e uma equipa solidária. De hábitos porque todos sabem o que fazer em cada momento do jogo e todos têm feito bem esse trabalho, ao ponto de a segunda linha, lançada ontem na Madeira, ter correspondido até começar o carrossel de substituições; e somos uma equipa solidária onde ninguém procura protagonismo individual, pois acima de tudo estão os interesses coletivos, embora Ronaldo seja, aqui, a justa exceção.

Fácil é, pois, concluir que a Seleção portuguesa tem uma identidade própria e bem vincada, e, assim sendo, há todas as razões para nos mantermos neste trilho, um trilho que nos enche de orgulho, sobrando razões para que o nosso sonho se prolongue por mais um ano e meio. E já agora, a talhe de foice, o aeroporto da Madeira vai ter hoje o nome de Cristiano Ronaldo, o que é bom para o turismo e sendo bom para o turismo é bom para a economia. E Ronaldo merece a homenagem por tudo o que tem feito por Portugal.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.