Primeira barreira

Norberto Santos
Norberto Santos

Um país de talentos

Durante anos a fio, o prof. Moniz Pereira nunca se cansou de dizer que Portugal perdia todos os anos atletas cheios de talento. Mesmo depois da medalha de ouro de Carlos Lopes em Los Angeles (1984), o decano dos treinadores reforçava sempre este conceito em várias entrevistas e colóquios. E aposto que se fosse vivo continuava a dizer o mesmo. É difícil mudar de opinião quando se tem razão e conhecimento do que se fala.

Portugal bem se pode orgulhar dos seus melhores atletas. Muitos deles são casos de raro talento, mas que por uma razão ou por outra sofreram contratempos e não conseguiram confirmar na prática todo o potencial. É mais fácil avaliar estas situações em desportos individuais, mas também nos coletivos não é difícil perceber quem no meio de uma equipa marca a diferença. O que por vezes não se consegue explicar é como é possível chegar a alto nível sem ter por base uma grande escola de formação. O talento é isso mesmo: ter capacidade de improvisar, de antever o que se vai passar e ter habilidade para concretizar com sucesso.

Nos desportos olímpicos essa perceção é mais entendível e salta mais à vista.Mas atentemos agora no desporto automóvel. Mesmo salvaguardando as devidas comparações, Portugal já mostrou ao Mundo que tem gente talentosa. Faltou certamente mais apoios para alguns pilotos terem dado o salto para a F1. Isso é inegável e nem tão-pouco está em causa a qualidade técnica desses pilotos. Recentemente, António Félix da Costa sagrou-se campeão do Mundo de Fórmula 3. Tem 25 anos e um perfeito domínio de tudo o que o rodeia. Já não vai em entusiasmos de F1, nem em falsas promessas. Quer é brilhar no seu território. O rapaz tem arte e engenho. E muito talento.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.