Clube dos Pensadores

Joaquim Jorge
Joaquim Jorge Fundador do Clube dos Pensadores

Jogadores e jogadores

 

No jogo entre o Tottenham e o Leeds estranhei a ausência de Lamela, recentemente recuperado de uma lesão, Reguilón habitual titular na ala esquerda e de Lo Celso jogador muito importante no meio-campo para coordenar o jogo.

O que é que aconteceu? Foi a minha primeira pergunta e a resposta veio depois: os três futebolistas foram fotografados numa festa no período natalício e final do ano. Evidentemente, que as fotos, de seguida, circularam amplamente pelas redes sociais.

O Tottenham não se fez esperar, actuou com medidas disciplinares. Os jogadores de futebol às vezes parecem burros, já se sabe, que algo com imagens vai logo para o Instagram, Facebook ou outras redes sociais.

A direcção do Tottenham mostrou mão firme e com toda a razão. Primeiro de tudo jogadores profissionais com um jogo agendado, dias a seguir, não podem estar em festas, devem ter recato e cabecinha. No Mundo há milhões de pessoas a fazer sacrifícios, Inglaterra é um país devastado pela Covid-19. A segurança, actualmente, é sinónimo de isolamento e contactar o mínimo de pessoas.

A primeira decisão foi Lamela não ser convocado, Reguilón ficou no banco e Lo Celso lesionado não foi convocado. Num clube com esta demissão não pode haver amadorismo, mas, profissionalismo acima de tudo. As regras devem ser claras e não haver excepções, sendo um sinal para o balneário, há que cumprir protocolos.

Mourinho com a sua perspicácia vai tratar do assunto e vai ter de fazer de Pai. Os jogadores têm todas as condições e ganham o inimaginável para qualquer mortal, porém a educação e os princípios não se conseguem comprar.

2 – Ronaldo foi distinguido com o galardão nos Globe Soccer Awards o "melhor do século", até ao momento. Ronaldo venceu Messi, Salah e Ronaldinho Gaúcho. Ronaldo não pára, apesar da sua idade, a 5 de Fevereiro, faz 36 anos. Este troféu vale o que vale, todavia não se pode negar a Ronaldo que é um jogador único, insaciável, indescritível e com uma capacidade finalizadora assombrosa. Tem jogado ao mais alto nível, quer na selecção nacional, quer no clube que representa. No Real Madrid foi evidente a sua categoria e a capacidade de fazer a diferença. Em 2020 foi o jogador que mais golos anotou, superando a barreira dos 100, às vezes assemelha-se a um bicho, nem parece humano. Este fim-de-semana, superou o número de golos de Pelé e, não vai ficar por aqui.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.