Clube dos Pensadores

Joaquim Jorge
Joaquim Jorge Fundador do Clube dos Pensadores

Portugal na "Final four"

Portugal conseguiu um empate ante a Itália, mas não jogou nada bem. A 1.ªparte foi para esquecer defendendo muito atrás, e não conseguindo sair com bola, foi dominado e subjugado ao domínio italiano, que jogava e procurava pressionar o árbitro para marcar faltas.

O meio campo mostrou debilidade de marcação e capacidade de choque. Na 2.ªparte as coisas compuseram-se e até poderíamos ter marcado. Portugal nota-se que sente a falta de Ronaldo no jogo em profundidade e há uma coisa que não é despicienda, as equipas quando Ronaldo joga, colocam-se em campo de uma forma mais retraída e com mais receio, pois num contra-ataque podem ser aniquiladas.

Estamos na "Final Four", que para nossa alegria vai-se realizar em Portugal e temos mais uma chance de ser apurados para o próximo europeu se não conseguirmos o apuramento directo.

As coisas estão a compor-se para termos Portugal de volta ao topo e Ronaldo brilhar. Vamos ver se para a Bola de Ouro Ronaldo consegue vencer apesar do chauvinismo francês que é de bradar aos céus, ainda recentemente na contagem dos votos estava Modric em 1.ºlugar e Varane em 2.ºlugar, o que me espanta, pois tem sido um jogador irregular e incapaz de se afirmar , somente pela saída sem nexo de Pepe do Real Madrid conseguiu a titularidade.

Portugal venceu o Euro 2016, quanto a mim sem o merecer, a França foi superior, mas conseguiu-o à custa de uma estratégia bem delineada por Fernando Santos com segurança defensiva, sem excesso de ofensivas vivendo à custa de Ronaldo, até se lesionar e o milagre Éder.

Conseguir o apuramento para a "Final Four" sem Ronaldo e à custa de pragmatismo, só por si, é um êxito.

Portugal soube sobreviver no fio da navalha, desta vez correu bem, mas pode para a próxima correr mal. Perante o que se viu no jogo tinha que seguir esta estratégia, mas sem tanto nervoso miudinho no início do jogo e a tremedeira em que a bola parece que tinha picos. Portugal é um controlador de jogo e sem bola sofre muito. Portugal no jogo com a Polónia teve mais posse de bola, controlou o jogo e cumpriu, mas nota-se a falta de Ronaldo.

A "Final Four" deixou várias vítimas pelo caminho: Itália, Espanha, Alemanha e França. Os finalistas são Portugal, Inglaterra, Holanda e Suíça.

Dia 3 de Dezembro saber-se-á quem calha a Portugal que soube reinventar-se sem Ronaldo, depois de um Mundial pouco conseguido, volta à ribalta do futebol europeu.
1
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade