Clube dos Pensadores

Joaquim Jorge
Joaquim Jorge Fundador do Clube dos Pensadores

Ronaldo e Ibrahimovic

1 - Ronaldo este fim-de-semana fez ver aos seus detractores, que ainda consegue fazer a diferença. O Cagliari é uma equipa mediana, mas meter três golos em 30 minutos não é para qualquer um.

Depois já o davam como acabado na sua experiência na Juventus, todavia, no alto dos seus 36 anos ainda tem procura de vários clubes, como o PSG. E quem diria!  O seu amado-odiado Real Madrid, que o deixou sair, mas que a saudade de tantos golos marcar não é esquecido.

Evidentemente que a Juventus ficou pelo caminho porque Ronaldo foi superiormente marcado pela defesa do Porto. Pepe não marcou Ronaldo, mas ensinou e explicou aos seus colegas como o deveriam fazer.

Ronaldo não esteve apático, o que aconteceu é que foi manietado pelos movimentos e marcação dos defesas do Porto. Deste modo, a bola não chega e Ronaldo desapareceu.

O lance da barreira é infeliz, mas não foi só ele que virou as costas. Eu se fosse o presidente da Juventus procurava que Ronaldo ficasse, a sua chama pode estar a perder brilho, mas mesmo assim, tem mais brilho que a maioria dos jogadores. A sua capacidade letal não é despicienda e ainda vai durar algum tempo. E, não nos podemos esquecer que Ronaldo é uma marca que vende muito bem.

 

2 – Ibrahimovic é outro caso de estudo, nem sempre joga pelas suas lesões musculares, mas é constantemente noticia, ora por se pegar com Lukaku, ora por chamar à atenção LeBron James, ora por regressar à sua selecção. Na Sérvia foi insultado por ditos racistas, pelo meio deu para ir a San Remo dar o seu habitual show de tiradas à Ibrahimovic. Esta quinta-feira deve regressar para a Liga Europa contra o Manchester United e pode muito bem ser um alento extra para poder vencer a eliminatória contra a sua antiga equipa. É sempre bom vê-lo entrar em campo.

A selecção sueca ao voltar a requisitá-lo, por ter feito as pazes com o seleccionador, Janne Andersson, permite pensar-se que podemos vê-lo no Europeu. Ibrahimovic é um jogador que faz com que muitos de nós vejamos uma partida de futebol, pela particularidade que algo se pode passar: uma finta, um drible, um passe magistral, um remate de cabeça fenomenal, entre outros.

Ter no europeu Ronaldo e Ibrahimovic é um excelente chamariz e interesse acrescido.

 

Fundador do Clube dos Pensadores

*escrevo ao abrigo do antigo AO

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais