Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

À minha maneira

José Manuel Freitas
José Manuel Freitas

Acredita Max... como Patrício

É famosa a escola de guarda-redes do Sporting. Azevedo, Carlos Gomes, Carvalho, Vítor Damas e, nas últimas 11 temporadas, de forma ininterrupta, inquestionável e merecedora de todos os elogios Rui Patrício. O campeão da Europa, agora no Wolverhampton, foi aposta arriscada mas inteiramente conseguida por Paulo Bento, o treinador que viu nele aquilo que ele é hoje: um dos melhores do Mundo na função. É por isso, porque há continuidade na denominada escola leonina, que quando vejo os leões contratarem de uma assentada o italiano Viviano e o brasileiro Renan Ribeiro (que vem para discutir a titularidade, após 17 jogos no Estoril, com alguém que está a chegar a Portugal) e se diz que Luís Maximiano, Max como nome de guerra, vai continuar a sua aprendizagem, porque carga de água não faz José Peseiro com ele o mesmo que Bento fez com Patrício, que sempre acreditou poder chegar lá? Talento e futuro não lhe faltam, mas se não jogar… E porque não custa nada perguntar e essa é a missão prioritária de um jornalista…

José Maria Ricciardi sempre se decidiu ir a votos, tendo como fundamental braço direito José Eduardo. Eventualmente pode ter chegado tarde à corrida, não faço a mínima ideia qual a sua base de apoio e a que candidato roubará votos, mas tem de ser observado como candidato a ter muito em conta.

Os dois primeiros da última Liga batem à porta da nova época. O campeão FC Porto discute o primeiro título, amanhã, com o Desp. Aves, o Benfica para a semana ataca a Champions, com o Fenerbahçe. Embora favoritos só cumprem objetivos dando o máximo!
Deixe o seu comentário
M M