Record

Assinatura Digital Premium Saiba mais

À minha maneira

Benfica modo LC e mais...

O regresso de Salvio, a segurança de Vlachodimos, a raça de Pizzi, a determinação de Fejsa ou o inesgotável potencial de Gedson e João Félix serão suficientes para o Benfica levar de vencida o PAOK, entrar na LC e embolsar 40 milhões de euros? Acredito que sim, por a equipa de Vitória ser melhor e ter podido marcar em Lisboa a viagem para o sorteio de amanhã. Bastava não ter sido tão perdulária e estar preparada para a surpresa cometida pelo ‘predador’ Warda, o egípcio que não deixou saudades em Vila da Feira. Retificados estes pormaiores, seria surpresa não ver o Benfica junto ao FC Porto no Mónaco.
Só que o presente benfiquista não se resume, apenas, à vertente desportiva, embora tenha a convicção de que lá por a SAD ter sido constituída arguida no processo E-Toupeira isso possa afetar a equipa. Sim, é inegável que se está perante mais uma mancha no orgulho benfiquista, que só a Justiça pode confirmar ou desmentir, mas para já, olhando para o comunicado emitido pela Sociedade Desportiva há uma referência que deixa claro que Paulo Gonçalves caiu com estrondo: "Nenhum membro do Conselho de Administração sabe o que o doutor Paulo Gonçalves sabe ou não sabe». E custa a acreditar…

E foi na Luz... Sousa Cintra é um homem de paz. Respeito-o, porque também não sou pela guerra. Mas só pode ter-se esquecido que o Sporting cortou relações com o rival a 10 de fevereiro de 2015. E sendo ele um presidente transitório, não seria melhor deixar a resolução do diferendo para o sucessor de BdC? E não ter ido para a tribuna? E ter deixado falar José Peseiro?

EM ALTA

Salin – É, com todo o mérito, dono da baliza leonina. Provou-o na Luz, devendo-lhe o Sporting grande parte do empate. Daí perceber-se que os leões queiram despachar Viviano.

João Félix – Aos 18 anos, 9 meses e 16 dias tornou-se no jogador mais jovem de sempre a saltar do banco e marcar num dérbi. Apenas, parece-me, o início de um percurso que tem tudo para ser marcado pela felicidade.

Douglas – A cumprir a 9.ª temporada no Vitória minhoto, cobriu-se de glória, aos 35 anos, contribuindo, decisivamente, para o miniescândalo que aconteceu no Dragão.

Rui Patrício – Lembro-o neste cantinho por dois motivos: a fabulosa defesa, a disparo de Sterling, no jogo com o campeão City e por não ter permitido que o seu nome entrasse nas eleições leoninas de modo rasteiro.

Lucas João – Quatro dias de puro encantamento: renovou por três épocas com o seu clube, Sheffield Wednesday, e obteve os dois golos no 2-1 frente ao Ipswich. Quem sabe se Fernando Santos não se lembra dele sexta-feira…

Fernando Pimenta – O último em primeiro! São atletas assim que fazem lembrar ao Mundo quanto é grande Portugal no Desporto.
Deixe o seu comentário
M M