Numéros da Liga

Luís Avelãs
Luís Avelãs Jornalista

Belenenses e Marítimo são 'alérgicos' a penáltis

Após uma ronda com cinco penáltis – registo que passa a ser o recorde da temporada – é curioso constatar que apenas duas equipas ainda não viram um único castigo máximo nos respetivos jogos. Com efeito, Belenenses e Marítimo não foram beneficiados ou castigados com o famoso pontapé dos 11 metros. É isto estranho? Bom, tendo em conta o que se passou nas duas épocas anteriores... nem um pouco. Tanto na temporada 2016/17, como na 2015/16, à passagem da 11.ª ronda, também dois clubes surgiam na mesma situação: Tondela e Estoril e U. Madeira e Arouca, respetivamente.

Na comparação com as últimas duas edições da prova ressalta, contudo, a diminuição do número de clubes sem penáltis a favor e contra nesta altura da época. Assim, enquanto agora só as formações de Domingos Paciência e Daniel Ramos não viram os árbitros conceder-lhes um penálti, em 2016/17 estavam cinco equipas nesta situação (Feirense, Tondela, Nacional, Arouca e Estoril) e um ano antes eram oito (Moreirense, Arouca, Estoril, FC Porto, Boavista, U. Madeira, Rio Ave e Nacional).

Impunes ao castigo máximo, por agora, estão quatro emblemas (FC Porto, Estoril, Marítimo e Belenenses), sendo que, curiosamente, os três primeiros repetem o posicionamento da época passada, onde estavam acompanhados por Tondela e Benfica. Em 2015/16 eram seis os clubes ainda não afetados pelos penáltis (Arouca, Sp. Braga, V. Guimarães, U. Madeira, P. Ferreira e Benfica).

Em jeito de balanço já foram assinalados 22 penáltis, contra os 25 da época passada e os 24 de 2015/16 nesta fase. O Benfica beneficiou de 4, enquanto o Sporting – clube com mais penáltis a favor nas últimas épocas (13+11) – aparece no segundo lugar com 3 e logo a seguir o Boavista com 2. Depois há 13 equipas com 1.

SABIA QUE...

O Benfica marcou 3 golos em Guimarães rematando apenas 8 vezes? Este foi o jogo em que as águias menos vezes visaram a baliza contrária na época (o mínimo anterior estava em 10, registado na 4.ª jornada, no empate 1-1 em Vila do Conde) . Ainda assim, só com o Belenenses (5) festejaram mais remates certeiros.

Esta foi a primeira ronda sem que pelo menos uma equipa tivesse 10 cantos a favor? Sp. Braga, Feirense e Boavista foram os emblemas que estiveram mais perto dessa marca, pois beneficiaram de 9.

O Estoril somou a oitava derrota consecutiva? Desde a temporada 1996/97 que não se via nada assim. Nessa altura, foi o Sp. Espinho a ter esse registo cinzento. Aliás, a formação nortenha perdeu 11 partidas seguidas e, no final, acabou mesmo por descer.

O último quarto de hora dos jogos tem mais do dobro dos golos que o primeiro? São 68 contra 30 mais precisamente.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.