Números da Liga

Luís Avelãs
Luís Avelãs Jornalista

Dois primeiros classificados são os que menos faltas sofrem

Pode parecer estranho, mas a verdade é que os dois primeiros colocados são as equipas que menos faltas sofrem dos adversários (Benfica 316 e FC Porto 326). Esta constatação é ainda improvável se se acrescentar que dragões (58) e águias (59) são os conjuntos que marcam mais golos e que, sem surpresa, costumam ter a bola muito mais tempo em sua posse do que os opositores.

Já o Sporting, terceiro colocado, é das equipas que mais faltas provoca. As 408 sofridas somente são suplantadas pelas 455 do Rio Ave e pelas 460 do V. Setúbal.

No final do polémico Tondela-Sporting, os responsáveis leoninos fizeram mesmo alusão a esta questão, salientando o elevado número da faltas sofridas (22) pela sua equipa neste embate, em contraste com as infrações cometidas pelos beirões noutros duelos. Ora, os dados provam que na derrota caseira (1-5) com o Benfica o Tondela foi pouco agressivo (8 faltas), mas no Dragão fez 22, o registo máximo de faltas que alguém cometeu contra os portistas.

Certo é que, em jogos com poucas faltas sofridas, os grandes ganham sempre. E com relativa facilidade. A vitória caseira do Sporting face ao P. Ferreira (2-1) é a única exceção.

E o contrário é verdade? Assim-assim. FC Porto e Sporting ganharam igualmente os jogos em que sofreram mais faltas, embora seja evidente que os resultados são claramente mais ‘apertados’. A exceção acontece com o Benfica. Os encarnados não sentiram problemas de maior contra o Sp. Braga (3-1), mas foram incapazes de vencer os outros dois jogos em que sofreram 18 faltas: na receção ao Sporting e na deslocação ao Restelo (dois empates 1-1).

SABIA QUE...

Após a goleada sofrida com o Sp. Braga (0-5), o V. Guimarães é a defesa mais batida? Os vimaranenses já encaixaram 43 golos, sendo que nas últimas nove jornadas viram sempre a sua baliza violada.

Mercê da histórica vitória em Guimarães, o Sp. Braga saltou para terceiro na lista dos ataques mais efetivos? Os arsenalistas somam 48 golos, tendo ultrapassado o Sporting, que tem 47. À sua frente seguem apenas Benfica (59) e FC Porto (58).

O Marítimo somente concretizou um golo nos derradeiros sete jogos? Sem surpresa, os insulares – lado a lado com o Moreirense – são a equipa com menos golos na prova (18).

A jornada 23 foi a que teve mais remates na época? Foram totalizados 212 ‘disparos’, superando os 210 registados na jornada 16.

Tal como na ronda 9, também esta teve cinco expulsões? São as duas jornadas com maior número de vermelhos.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais