Ataque rápido

Luís Pedro Sousa
Luís Pedro Sousa Chefe de redação

Muitas certezas

A convocatória para os jogos particulares com Bulgária e Bélgica dissipam muitas dúvidas quanto à lista final que Fernando Santos anunciará, dentro de dois meses, para a fase final do Euro’16 e confirma o modelo de jogo que Portugal utilizará em França.

De fora, se não houver entretando qualquer lesão que baralhe os dados, devem ficar jogadores como Nélson Semedo, Rúben Neves e Pizzi, que acalentavam legítimas aspirações de fazerem partem dos escolhidos. Da convocatória de Fernando Santos depreende-se, por outro lado, que o lote de guarda-redes, laterais-direitos e centrais está fechado, perspetivando-se, na esquerda, a saída de Guerreiro para a entrada de Coentrão.

A chamada de um único ponta-de-lança de raiz, que nem sequer será titular, indica a utilização de um 4x4x2 (em losango, provavelmente) com dois avançados móveis na frente. Com a recuperação de Moutinho e, talvez, de Tiago, haverá ainda grande concorrência no miolo. De facto, Portugal tem hoje muitos e bons médios

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.