Record

Santos em desvantagem

Finalmente a Liga está de volta. Há emoção para além dos dossiês do Apito Dourado, que vive novos sobressaltos com as denúncias anónimas, que Pinto Monteiro bem fez em determinar a abertura de um inquérito.

Nunca os clubes portugueses gastaram tanto como esta pré-temporada para um campeonato que perdeu as suas maiores estrelas - O FC Porto foi o campeão das vendas - e será dominado por jogadores estrangeiros: 52 por cento contra 48 nascidos em Portugal.

O que se espera é que "o combate à batota", que Hermínio Loureiro proclama como um dos objectivos da época, não se fique como uma manifestação de boa vontade.

Desportivamente, ainda que os plantéis não estejam fechados, o que se pode dizer é que Fernando Santos parte em desvantagem relativamente a Paulo Bento e Jesualdo Ferreira.

Quando disse que a saída de Simão seria um pesadelo, o treinador do Benfica estava longe de imaginar que passaria de noite em noite, agravando-se com a transferência de Manuel Fernandes para o Everton. Assim, o plantel está mais fraco do que o ano passado e a luta com os directos rivais mais difícil.
10
Deixe o seu comentário

Últimas Opiniões

Opinião

Pub

Publicidade

Últimas Opiniões

Opinião
M