Bancada de sócios

As necessidades da defesa encarnada; o que pretende Conceição e o susto leonino...

1. Devido à lesão de Jardel e à veterania de Luisão, o Benfica deve adquirir mais um defesa-central? 

2. Sérgio Conceição disse que gostava de receber mais algum jogador. Para que sector precisa o FC Porto de reforços?

3. O jogo de quarta-feira, na Roménia, justifica por si só o ‘susto’ que o Sporting passou frente ao Estoril?

Rita Rato (Benfica)

1. Há alternativas

Rui Vitória saberá avaliar melhor em função do trabalho desde o início da pré-época, mas Rúben Dias e Kalaica são alternativas com qualidade a somar ao trio (experiente) composto por Luisão, Jardel e Lisandro. Foi num contexto semelhante que Lindelöf teve espaço para mostrar o seu valor, com o percurso feliz que conquistaria.

2. Posição 6

A não ser que saia algum jogador que desfalque algum sector, o FC Porto tem um plantel no geral equilibrado. Talvez pudesse melhorar com um jogador que fosse alternativa a Danilo Pereira (posição 6).

3. Desgaste notório

O jogo na Roménia teve um desgaste notório, sobretudo no meio-campo e nas laterais da defesa. O SCP marcou cedo, geriu a vantagem, mas deu espaço ao Estoril, (equipa bem organizada e bons jogadores capazes de assumirem o jogo) que não se deu por vencido.

Osório de Castro (FC Porto)

1. Sim... face às exigências

Acho que sim. A defesa do Benfica foi amputada de três elementos tradicionalmente titulares. Do defesa-direito, de um excelente central e do guarda-redes. Jardel esteve muito tempo lesionado e sem rotinas de jogo. Em Luisão já se nota a sua veterania. Kalaica é um jovem com muito potencial enquanto defesa-central a merecer, provavelmente, uma oportunidade. Por estes motivos e atendendo às exigências do campeonato, o Benfica devia contratar um defesa-central de qualidade que fosse realmente um reforço.

2. Falta outro Danilo

Neste momento, o FC Porto tem um plantel muito equilibrado e de qualidade. No entanto, todo o treinador anseia por reforços que acrescentem valor. Enquanto treinador de bancada, acho que o FC Porto deveria ter uma alternativa a Danilo. Com a saída de Rúben Neves, e caso Danilo se lesione, não há alternativa válida. Gostaria de ter, também, um médio criativo, à semelhança de Deco, que pensava o jogo e dinamizava a equipa. Contudo, estou satisfeito com os primeiros jogos.

3. Mérito do Estoril

O susto que o Sporting passou frente ao Estoril não teve a ver com cansaço físico, consequência do jogo na Roménia, mas sim com o excelente jogo que o Estoril fez, principalmente na segunda parte. Houve, de facto, uma quebra da dinâmica do Sporting não por questões físicas, mas pelo ascendente do Estoril, nomeadamente no acerto das marcações aos jogadores do Sporting e no preenchimento dos espaços. Bom jogo de ambas as equipas. É de bons jogos que o campeonato português precisa.

Miguel Salema Garção (Sporting)

1. É fundamental

Para uma equipa com os objetivos do Benfica, reforçar a defesa é fundamental, com vista a garantir opções seguras no caso de eventuais constrangimentos, como acontece agora com Jardel. Além de que Luisão, apesar da sua importância no balneário, poderá não ser uma garantia para toda a temporada. Lisandro só, não chega.

2. Qualquer um

Qualquer sector poderá ser reforçado para permitir a Sérgio Conceição uma gestão mais facilitada durante os vários desafios que terá pela frente, uma vez que para seguir em frente na Liga dos Campeões, não colocando em causa as competições internas, ter mais opções permitirá rodar a equipa, mantendo os mesmos índices de qualidade e de desempenho. Por exemplo, uma eventual saída de Ricardo Pereira e a idade avançada de Maxi poderão comprometer o lado direito da defesa.

3. Não foi a primeira vez

Não. Já com o Setúbal em casa o Sporting tinha sentido mais dificuldades do que, por exemplo, com o Vitória, em Guimarães. Com equipas mais abertas, como o caso do Steaua, em Bucareste (diferente do mesmo em Alvalade), o Sporting viu a sua ação ofensiva facilitada. Saliente-se ainda o facto de seis jogos em menos de um mês ser um indicativo importante neste início de época.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0