Bancada de sócios

1. O acesso à Liga dos Campeões limpa a face de Rui Vitória?

2. Este é um dos títulos mais importantes do FC Porto nos últimos 30 anos, como disse Sérgio Conceição?

3. Jesus tem condições para ficar no Sporting, mesmo ganhando a Taça de Portugal?

4. Qual a figura, o melhor jogador e o melhor árbitro do Campeonato?


RITA RATO (Benfica)

Cumprir contrato

1. Não concordo nada com a premissa da pergunta. A avaliação do trabalho de um treinador não está dependente de um jogo (ou jornada). São 3 anos, com erros (como todos nós, nas nossas profissões), mas com muitas coisas positivas. Tem contrato com o Benfica e a prática da última década indica que, no Benfica, os contratos cumprem-se.

Óbvio

2. Sim, óbvio que sim. Uma vez que interrompe um ciclo de 4 épocas sem ganhar um único título, coisa que não acontecia na história do FCPorto há mais de 40 anos.

Avaliação leonina

3. Aplicando o critério da pergunta anterior: a avaliação do trabalho de um treinador não pode ser feito com base num único momento. Em teoria tem, mas compete ao Sporting fazer a avaliação sobre o que mudar para melhorar o seu desempenho (e se o treinador entra na equação).

Jonas

4. Jonas, indiscutivelmente. Não só pelos golos marcados (e foram muitos e de todas as formas!),como também pelo seu contributo ao futebol do Benfica (foi notória a importância da sua ausência nesta reta final). A figura poderá ser o Bruno Fernandes, que esteve sempre em grande plano e foi a revelação.

OSÓRIO DE CASTRO (FC Porto)

Vitória fez pouco

1. A presença do Benfica a disputar a Liga dos Campeões é um mal menor para Rui Vitória. Não foi o treinador do Benfica que o conseguiu, mas sim o Sporting, que entregou de mão beijada ao seu eterno rival essa possibilidade.
Rui Vitória fez muito pouco para que isso fosse possível.

Sem dúvida

2. À semelhança do titulo conquistado após 19 anos de jejum, este é sem duvida o titulo mais importante dos últimos 30 anos. Atendendo a tudo o que se foi sabendo à margem do jogo jogado, praticado pelos nossos rivais da Luz, era importante que o FCPorto ganhasse este campeonato.

Instabilidade

3. Depende mais da normalização das relações com o presidente Bruno de Carvalho, que, na minha opinião, continua a ser um foco de instabilidade permanente.
Eixos fragilizados

3. Jorge Jesus tem mais um ano de contrato com a Sporting Clube de Portugal, Futebol SAD. Tem todas as condições para o cumprir. No entanto, não podemos afastar qualquer outro cenário face aquilo que se foi passando durante a época 2017/2018. Confiança, sintonia, compromisso, união, coesão, entre outros eixos, podem estar fragilizados podendo, eventualmente, provocar outra situação que não seja a continuidade.

FC Porto

4. A figura é a equipa do FCPorto. Valeu como um todo. Foi uma verdadeira equipa. Correndo o risco de ser parcial, para mim o jogador da Liga foi Herrera pelo que sempre trabalhou e pelo golo decisivo na Luz. Quanto ao árbitro, venha o Diabo e escolha. Mas realço Fábio Veríssimo, que me parece ser o mais isento.

MIGUEL SALEMA GARÇÃO (Sporting)

Muito a desejar

1. O acesso à Liga dos Campeões tem, claramente, uma enorme importância a vários níveis. Desportivo, económico-financeiro e comercial. É nessa ótica que um gestor deve abordar o resultado de uma época. A época benfiquista deixou muito a desejar face aos objetivos. Esta é a realidade.

Viragem

2. Todos os títulos são importantes. Este pode ter uma importância extraordinária, porque pode ser a viragem de um ciclo. Por outro lado, face ao panorama atual do futebol português, que vive um clima bélico, o ênfase que se lhe pode atribuir pode levar a pensar que o grau de importância é de facto elevado e significativo.

Eixos fragilizados

3. Jorge Jesus tem mais um ano de contrato com a Sporting Clube de Portugal, Futebol SAD. Tem todas as condições para o cumprir. No entanto, não podemos afastar qualquer outro cenário face aquilo que se foi passando durante a época 2017/2018. Confiança, sintonia, compromisso, união, coesão, entre outros eixos, podem estar fragilizados podendo, eventualmente, provocar outra situação que não seja a continuidade.
Bruno pela negativa

4. As figuras, pela negativa, Bruno de Carvalho. Pela positiva, Sérgio Conceição. O melhor jogador, Bruno Fernandes. Quanto ao melhor árbitro, não tenho resposta.


Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0