Escrevem os leitores

A vitoriosa seleção alemã

A Alemanha foi a seleção que conquistou a última Taça das Confederações ao derrotar o Chile por 1-0, com um golo Lars Stindl logo nos primeiros 20 minutos de jogo. A seleção alemã viajou para a Rússia com o título de campeã do mundo e sucedeu ao Brasil ao vencer a décima Taça das Confederações.

Não vimos um jogo incrível, mas muitos adeptos de futebol já esperavam este desfecho, porque a Alemanha sempre foi uma das seleções favoritas a ganhar esta competição como Portugal, no entanto a seleção portuguesa conquistou o 3.º lugar ao derrotar o México por 2-1. Mesmo com a raça da seleção chilena a Alemanha soube responder da melhor forma com o seu futebol eficaz, e acabou vencendo o jogo e comprovar esse favoritismo.

O que foi surpreendente na conquista desta seleção? Joachim Löw, o treinador germânico poupou os jogadores campeões do mundo para o Mundial 2018, convocando jogadores jovens e estreantes em jogar pela seleção e mesmo assim provaram que mesmo com jovens é uma equipa que ganha jogos, títulos e qualidade não falta no futebol alemão.

Incluiu sete estreantes como Kevin Trapp (Paris Saint-Germain), Sandro Wagner (Hoffenheim), Amin Younes (Ajax), Diego Demme (Leipzig), Kerem Demirbay (Hoffenheim), Marvin Plattenhardt (Hertha Berlim) e Lars Stindl (Borussia Moenchengladbach) e Julian Draxler (Paris Saint- Germain) que foi considerado o melhor jogador da competição.

Ganharam o Europeu sub-21, agora a Taça das Confederações e já no próximo ano teremos o Mundial e aí o treinador alemão terá uma grande opção de escolha na eleição dos 23 jogadores visto que os foram convocados para a Taça das Confederações como para o Europeu sub-21 provaram que são jogadores novos mais de muita qualidade, na seleção alemã pode não existir nenhum jogador extratrovérico como encontramos na Seleção Nacional com Cristiano Ronaldo mas existem jogadores que sabem bem jogar em equipa.

A Alemanha já provou ser uma forte seleção bem como uma das mais temíveis da Europa e mesmo do Mundo, veremos se assim continuará pois vai voltar à Russia, como a seleção vencedora da última competição disputada entre seleções antes do Mundial.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.