«Escreveu-se direito por linhas tortas»

• Foto: Reuters
Milão, 28 de Maio de 2016, Juanfran falha o 4º penálti para o Atlético de Madrid e Cristiano Ronaldo tem a responsabilidade de dar a inédita 11ª Liga dos Campeões ao Real Madrid.

Pega na bola com tranquilidade, coloca na marca, olha nos olhos em Oblak, suspira fundo, em 3 segundos passa-lhe por flashes a sua carreira e o seu pai, corre lentamente, bate com convicção e torna-se o primeiro português a vencer 3 Ligas dos Campeões.

Foi um jogo fraco de Cristiano. Ao contrário de 2014. Em 2014 não foi o habitual Cristiano, não correu e esteve pouco em jogo, mas para os menos distraídos fez uma boa exibição. Foi fundamental na abertura de espaços para Ramos, recuperou a bola no golo de Bale, lançou Marcelo para o terceiro golo, ganhou e marcou um penálti e fez dois passes monstruosos para Marcelo e Bale que falharam escandalosamente na cara de Curtois.

Hoje falhou as poucas oportunidades e não conseguiu arranjar espaços. Não quero desculpar se estava ou não a 100%, fez um jogo fraco e ponto.

Mas na verdade sempre vimos Cristiano com atitude. A rematar a tentar driblar os adversários, mesmo com as coisas não lhe correndo bem, nunca virou a cara a luta, procurou a bola e procurou ser herói.

Decidiu mal e as coisas nunca lhe saíram, mas certamente que correu bem mais de 6,5 Km!
Esta é a diferença entre Cristiano Ronaldo e Messi. Mesmo quando as coisas não lhe correm bem, sempre tentou encontrar soluções nunca se escondeu, falta de crer ninguém lhe pode apontar.

Cristiano leva 27 golos a partir dos Quartos de Final da Liga dos Campeões, o astro argentino leva 16!
Cristiano tem para os mais distraídos 31 assistências na Liga dos Campeões, Messi tem 28!
Sim o individualista Cristiano tem mais 3 passes para golo que o jogador de equipa Messi!

Para aqueles que dizem que Cristiano não aparece nos grandes jogos, Cristiano é o melhor marcador de sempre da Liga dos Campeões em jogos dos quartos, meias e finais acumulados ou parcialmente.

Das últimas 10 derradeiras e decisivas eliminatórias do Barcleona nos últimos 10 anos de Champions Messi passou 8 delas sem marcar (!) e 6 delas Ses fazer assistências ou criar jogadas de perigo (!), já Cristiano jogando os 2 jogos apenas não marcou em 2!

Messi será sempre mais adorado que Cristiano! O seu estilo de jogo que faz lembra um deus que pega na bola e leva o futebol para um patamar que mais nenhum jogador consegue alcançar! E é isso que faz com que irracionalmente alimente mais paixões e mais fãs, mas tudo isso é desprovido de racionalidade!

Porque o futebol não é o mais belo é o mais eficaz. O futebol tal como na vida é uma constante busca de soluções para problemas!

A estética não é suficiente para o sucesso! A crença, a determinação e a superação das dificuldades são as coisas mais importantes.

Cristiano é a história de um menino que nasceu sem sorte. Sem um talento endeusado (o próprio admitiu que Fábio Paim tinha mais talento que ele), mas que trabalhou e lutou para ser o melhor do Mundo. Contra tudo e contra todos! Contra os colegas no Sporting que gozavam com o seu sotaque e imitavam um Ferrari. Contra os ingleses que estranhavam um português reinar em terras de sua majestade. Contra os madrilenos que ainda hoje não lhe dão o devido valor (por isso se sentiu triste) e contra aqueles portugueses que houve, há e sempre haverá, que só sabem criticar aquilo que é nosso.

Mas foram estas adversidades que o fizeram indubitavelmente o melhor jogador da história do futebol!
Hoje ainda existem os típicos críticos portugueses que dizem que Ronaldo não jogou nada e que Messi é enorme, mesmo esquecendo que Messi passou 8 eliminatórias decisivas em branco e que quando o Barça precisou dele correu 6,5 Km!

Mas isso não me preocupa. Este é o nosso povo! Com os típicos velhos do Restelo!
Eu opto por ser diferente! Apesar de economicamente sermos fracos, temos das melhores pessoas do Mundo, dos países mais fantásticos do Mundo, das melhores comidas do Mundo e das melhores culturas do Mundo!

Tenho e sempre terei um enorme ORGULHO por ter nascido em Portugal e não trocava este país por qualquer outro. Porque no Mundo real, nas verdadeiras coisas importantes da vida, nós somos OS MELHORES DO MUNDO!

Hoje Cristiano não foi melhor, foi fraco, miserável para as suas capacidades, mas desta vez a sorte quis parabenizá-lo. Deu-lhe o último penálti e colocou-o mais uma vez eternizado na História do Desporto do Rei!

Escreveu-se direito por linhas tortas! Parabéns Cristiano! Parabéns Portugal!
1
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais