Escrevem os leitores

Escrevem os leitores
Escrevem os leitores

Futebol de raça portuguesa

Desde 1886 que o futebol despoletou talento puro e belo neste país à beira-mar plantado. Já tivemos nomes portugueses sonantes no mundo do futebol, como por exemplo Eusébio, Luís Figo e um que ainda joga e já foi considerado por 5 vezes o melhor jogador do Mundo: Cristiano Ronaldo.

A presente época (2018-2019) está a ser de ouro para o talento português, pois assistimos jogadores como Cristiano Ronaldo, Bernardo Silva a fazerem maravilhas futebolísticas por palcos internacionais e a emergir em Portugal jogadores como João Félix ou Bruno Fernandes oriundos de escalões de formação de clubes portugueses.

CR7, com 34 anos, atualmente defende as cores do emblema italiano Juventus e já pode orgulhar-se de conquistar o título de campeão da Liga Italiana ainda com a época a decorrer - e já conseguiu o feito de se ser campeão nos três campeonatos mais competitivos do mundo do futebol.

No campeonato inglês ainda não se encontrou o vencedor da presente temporada, mas possivelmente já se encontrou o que vai ser considerado o melhor jogador deste campeonato tão competitivo. É ele o jogador do Manchester City Bernardo Silva.

O médio português está a fazer as delícias dos adeptos ingleses, bem como do seu treinador, Pep Guardiola, pois o técnico espanhol já por inúmeras vezes deixou largos elogios ao português.

No futebol deste jogador formado no Sport Lisboa e Benfica assistimos ao passe preciso seguido da desmarcação, a arte de ter a cabeça levantada bem como toda a sua capacidade de antecipar várias ações antes de receber a bola. Ou a forma perspicaz como defende, encurtando linhas de passe e pressionando de imediato os portadores da bola. O jogador de 24 anos está a um passo de se sagrar bicampeão pelos azuis de Manchester.

Da mesma idade (24 anos), a defender as cores do Sporting Clube de Portugal, encontramos o médio Bruno Fernandes, que têm sido um elemento diferenciador deste clube. Foi o autor dos dois golos na meia-final frente ao Benfica que garantiram a ida do Sporting à final da Taça de Portugal.

Golos, assistências, intensidade e entrega têm definido mais do que uma vez o rendimento do jogador leonino que, apesar dos altos e baixos que o clube de Alvalade atravessa dentro e fora de campo, é o médio com mais golos a jogar na Europa.

No clube rival da 2ª circular, destaca-se João Félix, o jovem avançado de apenas 19 anos que têm sido um dos talismãs do clube encarnado na liderança do campeonato português.

Apesar do seu corpo franzino, assistimos a um jogador que nunca desiste de um lance, é incansável na procura de espaços para ele como para os companheiros, busca incessantemente a melhor linha de passe e já soma 13 belos golos, em 22 jogos.

Bruno Fernandes, como João Félix, prevê-se que na próxima época desportiva estejam a representar um dos grandes clubes na Europa.

Estes quatros jogadores são o rosto, bem como a demonstração de todo o talento oriundo de um país que pode ser pequeno mas cada vez mais se está a afirmar como um dos grandes do futebol internacional.

Autor: Matilde Carvalheira Almeida/24 anos

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação desportiva.
  • conteúdo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão epaper do jornal no dia anterior
  • conteúdos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais