Guti, o craque que pensava diferente

• Foto: EPA

Guti, foi durante muitos anos, nome de craque incompreendido no meio-campo ofensivo do Real Madrid. Produto das escolas "merengues" o fantasista esquerdino viveu muitos anos de amor/ódio com a "Affción" devido a momentos de classe pura e outros de desaparecimento quase total, eclipse momentâneo, problema atroz de não constância afetava e de que maneira o futebol rendilhado, imaginativo e sumarento do rapaz nascido em Madrid.

Ganhou tudo com a camisola "Blanca" vestida. 5 La Ligas, 3 Champions, 1 Supertaça Europeia, 2 Taças Intercontinentais (atual Mundial de Clubes), 4 Supertaças de Espanha! Mas Guti Hernandez era mais que títulos, era passes a rasgar defesas inteiras (como aquele lance em Zaragoza, em 2009/2010, em que recebe um passe da esquerda de Kaká que o isola frente ao guarda-redes, mas Guti prefere dar de calcanhar e apanhando em contrapé a defesa adversária para Benzema encostar de baliza aberta), era magia, era uma visão de jogo ao nível dos predestinados, mas a intensidade, a regularidade, o trabalhar sem bola, o lado tático do jogo sempre foram os pecados deste médio espanhol que embora os 540 jogos ao serviço do emblema madridista, fica a sensação que podia ter atingido o nível de Bola de Ouro e de indiscutível da seleção onde apenas jogou 13 vezes e marcou 3 golos.

Foi um talento incrível, com um pé esquerdo de sonho, mas que poderia ter tido outra expressão, não a nível interno, foi e é um dos nomes grandes da casa "Blanca", um dos históricos do Real, mas a nível internacional, nunca se equiparou a nomes como Kaká, Ronaldinho, Zidane entre outros, talvez por causa da sua quase displicência em certas alturas e do seu feitio difícil, polémico, de enfant-terrible, que lhe toldou o foco no futebol e lhe amputou as hipóteses de ser um dos melhores "dez" de sempre do futebol mundial, patamar que o seu talento, cristalino e indubitável, ambicionava com inteira justiça.

Um craque com todas as letras.

Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade
apenas 1€ por mês
experimente sem compromisso e garanta o seu lugar na bancada da melhor informação deportiva.
  • conteudo record em qualquer sítio e a toda a hora
  • acesso no pc, tablet e smartphone
  • versão e-paper do jornal no dia anterior
  • conteudos exclusivos para assinantes
  • suplementos especiais

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.