Muito 'Ben', Sevilha!

• Foto: EPA
Depois de ter alcançado a final da Copa del Rey (que disputará no dia 21 do próximo mês, frente ao Barça de Ernesto Valverde, no moderno Wanda Metropolitano) e de, neste momento, se encontrar no 5º posto do campeonato espanhol, somente suplantado pelos 3 crónicos candidatos ao título nos últimos anos (Atlético de Madrid, Barcelona e Real Madrid) e pelo Valência que, na presente temporada, está a realizar interessantes campanhas nas competições internas, o Sevilha escolheu o Teatro dos Sonhos para fazer História.

Pela primeira vez no atual formato da Liga dos Campeões, a formação andaluz conseguiu garantir o passaporte para os quartos-de-final, encontrando-se entre as 8 maiores potências clubísticas do Velho Continente em 2017/2018.

Os pupilos de Vincenzo Montella, não só eliminaram o teoricamente favorito Manchester United, como também foram incontestavelmente superiores aos "Red Devils" no conjunto das duas mãos.

Após um empate a 0 no Ramón Sánchez Pizjuán, os "Blanquirrojos" entraram destemidos no mítico Old Trafford. Ainda assim, a igualdade sem golos persistiu… até ao momento-chave desta eliminatória: A entrada de Wissam Ben Yedder.
Aos 72 minutos, o técnico italiano apostou no avançado franco-tunisino e, passado alguns segundos, viu o seu camisola 9 a inaugurar o marcador.
0-1, o MU necessitava agora de marcar 2 golos para seguir em frente.
No entanto, 4 minutos após o primeiro, Ben Yedder bisou e arrumou por completo com quaisquer esperanças dos comandados de José Mourinho e do próprio treinador português.

Nesta edição da prova milionária, Ben Yedder contabiliza 8 tentos em 7 jogos disputados (isto se não tivermos em conta os 2 golos que apontou na fase no ‘playoff’ de qualificação, frente aos turcos do Basaksehir), sendo apenas ultrapassado pelo Rei da Champions, Cristiano Ronaldo (12 remates certeiros em 8 partidas realizadas).

O sorteio dos quartos-de-final da Liga dos Campeões está marcado para amanhã, com início às 11 horas de Portugal Continental.

Independentemente de quem sair na rifa aos "Palanganas", já vai previamente avisado: Eles não têm problemas em impor o seu atraente futebol e discutir a passagem à próxima fase, mesmo que do outro lado esteja o vencedor da Liga Europa da época transata.
Deixe o seu comentário

Assinatura Digital Record Premium

Para si, toda a
informação exclusiva
sempre acessível

A primeira página do Record e o acesso ao ePaper do jornal.

Aceder

Pub

Publicidade