Jak and Daxter: The Precursor Legacy é um regresso... ao futuro

Versão PS2 chegou à PS4 tão divertida como sempre

Quem diria que um dia ainda íamos ter aquele compasso de espera enquanto a nossa PlayStation lê o ‘memory card’. Pois bem, foi hoje. Jak and Daxter: The Precursor Legacy fez-nos regressar por momentos ao mágico mundo da PS2.

Lançado em dezembro de 2001, Jak and Daxter: The Precursor Legacy foi, na altura, muito aplaudido pela crítica, figurando ainda hoje como um irmão gémeo de Crash Bandicoot. Por ser tão inovador na altura, prometemos que não vamos falar de um regresso ao passado, mas sim... de um regresso ao futuro!

O jogo chegou agora à PS4 – está disponível para compra na PS Store e foi oferecido a quem adquiriu Uncharted – The Lost Legacy. Ora, deu-nos a saudade e – o que é que se há de fazer – voltámos às aventuras de Jak e Daxter.

Recordando para quem nunca jogou: os nossos protagonistas são dois jovens que aparecem em vários outros títulos. Neste Jak não fala (e ninguém sabe porquê) mas Daxter fala por ele e por quem mais vier. Sempre na brincadeira, também sabe ser rezingão, ou não fosse ter sido transformado num ottsel (uma mistura de lontra e doninha) quando caiu num poço misterioso.

Com o objetivo de salvar o Mundo e devolver a normal aparência a Daxter, ambos partem numa aventura de plataformas onde basicamente temos de recolher itens e esmurrar os maus.

PS2 style

Como já dissemos, o jogo veio da PS2 e a Naughty Dog não fez por menos: é o símbolo da PS2 que aparece quando iniciamos o jogo, aparece uma indicação a explicar que o touch do Dualshock se divide agora em Select e Start (que saudades!) e não tarda a aparecer a tal mensagem "do not remove the memory card or restart/switch off the console". Lindo!

Não esquecer que, apesar de ser um título de PS2, há troféus para todos os gostos e alguns bem fáceis de conquistar com poucos minutos de jogo. O resto é diversão pura e dura, com direito a algumas danças ridículos de Daxter na sua nova figura. Jak é que é um miúdo calado, caso contrário…


Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Record Gaming

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0