O jogo do editor: Let’s Sing 2017

Este Natal fique em casa a cantar com a família

É sempre complicado encontrar algo novo para quem está na vanguarda do gaming. Jogos, acessórios, caixas de coleccionador e até literatura sobre o fenómeno já fazem parte do recheio do gaming room deste que vos escreve e, por isso, quem quer surpreender tem grandes dificuldades.

Ainda assim há sempre uma forma de o fazer. E foi isso mesmo que aconteceu no passado fim-de-semana, quando me chegou às mãos, numa generosa e pensada oferta natalícia, o recente Let’s Sing 2017.

Lançado em outubro, este jogo segue a lógica de sucesso do mítico SingStar e coloca-nos no papel de vocalista que tenta emular os feitos do cantor original numa série de músicas que passaram recentemente pelos tops de venda.

É certo que convém sempre meter um dinheirinho na carteira da PS Store para encontrar um ou outro tema que gostamos mais, mas a base de 30 músicas é bem completa. Muitos dirão que Omni, Justin Bieber e afins serão escolhas um pouco... azeiteiras. Mas normalmente são os mesmos que vão aos sábados à noite abanar o capacete para a danceteria ao som das mesmas músicas. 

Dinâmico, com ligação permanente aos leaderboards online do jogo, este título oferece muitas e boas horas de diversão, especialmente em grupo, porque convenhamos que estar a cantar sozinho à frente da televisão é, no mínimo, bizarro.

Apesar de ter sido uma prenda, sei que custa 59,99 euros, já com o microfone incluído. Uma excelente opção para este Natal, caso tenha adeptos das cantorias lá em casa.

Por João Seixas
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Record Gaming

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0