A loucura de Michael Wardian: mil quilómetros em dez dias e... um tempo canhão em Boston

Norte-americano parece ter umas pernas com pilhas infinitas...

O norte-americano Michael Wardian é a prova de que os limites simplesmente não existem... Depois de em fevereiro ter ganho o World Marathon Challenge (sete maratonas em sete dias, em sete continentes diferentes), ter acrescentado outras três por sua conta nos dias posteriores, e de em março ter completado o Israel National Trail (mil quilómetros em dez dias), o atleta de 45 anos decidiu desafiar-se depois de toda essa tareia e para abril colocou na sua agenda correr a Maratona de Boston.

Na última segunda-feira lá esteve na zona de partir mais desejada, onde já marcou presença por 18 ocasiões, e conseguiu concluir a prova com um tempo brutal de 2:33:33 horas. "Sim, doeu, as minhas pernas estavam pesadas, sofri durante toda a prova, mas não me dei por vencido e emocionei-me ao chegar ao final da minha 18.ª Maratona de Boston", declarou o corredor, que no seu currículo acumula vários títulos nacionais, desde os 50 quilómetros, às 50 milhas ou aos 100 quilómetros.

Depois disto a pergunta que se impõe: o que se segue..?

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Record Running

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.