Kipchoge revela como fez a recuperação da Maratona de Londres

Atleta queniano partilha um diário de olho no INEOS 1:59 Challenge

• Foto: Reuters

O que fazer depois de uma maratona? Parar de treinar? Tirar uns dias de férias para recuperar física e mentalmente? Correr pelo menos alguns minutos de forma diária? Continuar a treinar normalmente?

Estas perguntas passam pela mente de praticamente todos os maratonistas, que normalmente depois de concluírem um grande desafio como uma maratona por vezes não sabem bem para onde se voltar e até acabam por cometer erros que comprometem os objetivos futuros. Se é o seu caso, descanse... porque não está sozinho.

E com tantas dúvidas na mente, por vezes o melhor é olhar para aquilo que os craques (leia-se atletas de elite) fazem. E nada melhor do que o exemplo do queniano Eliud Kipchoge, o homem mais rápido da história, para mostrar que não é necessário estar sempre a 100% focado,

"Depois de Londres (disputada a 28 de abril) tirei três semanas de descanso absoluto, ainda que tenha sentido alguma falta de correr nesta pausa. Comecei agora a minha fase inicial de treino, com três sessões de ginásio semanais e outras três de corrida leve entre 18 e 20 quilómetros - sempre nos dias em que não faço trabalho de ginásio", explicou o atleta de 36 anos, no primeiro capítulo do diário que promete fazer sobre a sua preparação para o INEOS 1:59 Challenge.

E se se questiona por que razão Kipchoge faz trabalho de ginásio, a resposta veio logo depois. "Na minha mente encaro o trabalho de ginásio como uma forma de manter as lesões bem longe de mim e também para treinar os músculo. O ginásio é uma boa ferramenta de prevenção de lesões. A minha forma física é medida também pelo trabalho que ali faço. Antes de entrar em estágio, o trabalho desta fase é crítico, pois dá-me as bases de preparação para atacar o INEOS 1:59 Challenge", explicou o queniano, que vai tentar quebrar a barreira das duas horas em outubro.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Record Running

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.