Liga Allianz: Mais de meio milhar presentes em Bragança apesar da chuva e frio

A 2.ª Corrida das Cantarinhas contou com a organização do Ginásio Clube de Bragança

• Foto: Pedro Rego

Foi com chuva e frio que Bragança, cidade transmontana caracterizada pelo clima rigoroso, recebeu a sétima prova da 'Liga Allianz Running Record', a 2.ª Corrida das Cantarinhas.

Apesar do mau tempo não faltaram aficionados da modalidade na prova de 10 quilómetros, sucessora da Milha das Cantarinhas. Cerca de 500 atletas (inicialmente, estavam previstos 800) coloriram o dia cinzento que pairou na cidade brigantina.

Liga Allianz Running Record: Chuva e frio marcaram o início da etapa em Bragança
A corrida foi dominada pela União Desportiva da Várzea de Felgueiras no que diz respeito aos escalões de formação, já que, em seniores, destacou-se o Centro de Atletismo de Seia (CAS).

Inês Monteiro venceu em femininos. "A corrida foi um pouco fresca, estava bastante frio. O trajeto era um pouco difícil, mas bastante seletivo. Acabei por conseguir gerir o esforço e tornou-se fácil", disse a atleta de 36 anos.

Inês Monteiro andou sempre na liderança da corrida e teve pouca concorrência. "Fiz uma corrida tranquila e sem grandes preocupações".

Esta a segunda vez que Inês Monteiro triunfa na 'Liga Allianz Running Record'. A primeira foi na Guarda, a 26 de março, na 3ª Corrida do Alva. O mesmo feito foi protagonizado pelo colega de equipa, Nuno Lopes, em masculinos, que é já uma presença assídua em Bragança.

Depois de várias tentativas para chegar ao lugar mais alto do pódio, quer no formato anterior da prova quer na corrida, o atleta do Centro de Atletismo de Seia venceu, deixando para trás o sportinguista Rui Teixeira, vencedor da edição de 2016.

Liga Allianz Running Record: Nuno Lopes vence em Bragança
"O percurso era um pouco durinho na parte final. Gostei de voltar a Bragança. É uma prova que já tem bastante visibilidade. É verdade que o tempo não ajudou muito, os adversários eram bastante fortes, mas vinha com o objetivo de vencer e correu bem", destacou.

Uma corrida bastante competitiva em que "não faltou qualidade" frisou Carlos Fernandes, presidente do Ginásio Clube de Bragança, que organizou a prova com o apoio do município. "Uma parceria para manter" fez questão de destacar Paulo Xavier, vice-presidente da autarquia.

O autarca recorda que a aposta no desporto é "uma das estratégias de desenvolvimento" do município.

Com sete provas realizadas a 'Liga Allianz Running Record' deixa marca por onde passa. "As pessoas têm aderido bastante bem. Pode dizer-se que o 'running' está na moda e a Allianz quer estar em todo o lado, de norte a sul de Portugal. Tivemos vento, frio e chuva, mas isso não afastou os participantes, que estiveram aqui no 'Fun Park' proporcionado pela Allianz e pelo Record", destacou Rita Marques, da Allianz.

A mesma opinião é partilhada por Paulo Nunes, representante de Record, que destaca a importância desta competição. "É uma liga que desafia as pessoas a divertirem-se e a praticar desporto através da corrida", lembrou.

A 2.ª Corrida das Cantarinhas contou com a organização do Ginásio Clube de Bragança em parceria com o município local.

Classificações femininos

INÊS MONTEIRO 00:36:00.34 CA SEIA
CRISTIANA VALENTE 00:37:00.32 RECREIO DESPORTIVO DE ÁGUEDA
JUSTYNA WOJCIK 00:37:43.80 SPORT COMÉRCIO SALGUEIROS
LUCINDA MOREIRAS 00:38:57.81 AMIGOS DO CAMPO REDONDO
SARA DUARTE 00:39:02.30 UNIÃO DESPORTIVA DA VÁRZEA
SOFIA TEIXEIRA 00:39:29.81 UNIÃO DESPORTIVA DA VÁRZEA
CARLA NUNES 00:40:19.45 A.D.LUSTOSA
MÓNICA MOREIRAS 00:43:25.81 AMIGOS DO CAMPO REDONDO
ANA NUNES 00:43:47.56 A.D.LUSTOSA
CARLA SANTOS 00:44:28.31 GINÁSIO CLUBE DE BRAGANÇA

Por Susana Madureira
Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Record Running

Notícias