Tiago Romão vence prova de 83 quilómetros do Andorra Ultra Trail

Portugueses registaram grandes resultados neste evento

O português Tiago Romão, da Salomon Suunto Portugal, venceu este sábado a prova de 83 quilómetros (a Celestrail) integrada no Andorra Ultra Trail, ao cruzar a linha de meta em 10:34:14 horas, 14 minutos à frente de Júlio da Costa e 33 de Antoni Jiménez.

Com a lição muito bem estudada, o atleta português apenas assumiu a liderança à passagem do penúltimo ponto de controlo e acabou por conseguir levar a melhor sobre toda a concorrência, superando com grande autoridade uma prova com um desnível positivo de 5000 metros.

Para lá de Tiago Romão, de destacar ainda o quinto lugar de Frederico Cerdeira, com um tempo final de 12:17:30 horas, ao passo que nas senhoras a melhor portuguesa foi Vera Ribeiro, no quinto posto, graças a um tempo final de 16:29:30 horas.

Pódios na Maratón dels Cims

Para lá da performance de assinalar de Tiago Romão e Frederico Cerdeira, houve também bons resultados portugueses na Maratón dels Cims (42,5km, com 3000m d+), prova na qual Luís Mário Fernandes foi terceiro, com 5:07:37. O atleta português fechou o pódio, ficando a 25 minutos do vencedor Albert Rocamora.

Nas senhoras, Ester Alves também subiu ao degrau mais baixo do pódio, ao finalizar a prova em 14:17:41 horas, isto após uma recuperação na fase final que lhe permitiu superar Therese Sjursen (14:18:34). A vitória, refira-se, foi para Caitlin Fielder, com 13:46:26.

De notar, por fim, que David Quelhas ficou a nove minutos de conseguir um pódio na Ronda del Cims, ao finalizar os 170 quilómetros com 13500 metros de desnível positivo em 15:37:03 horas.

Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Trail running

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.