Os erros que te impedem de correr mais rápido

• Foto: Reuters

(Ao longo das próximas semanas, e até à realização da São Silvestre El Corte Inglés, Record vai trazer-lhe uma série de artigos para o ajudar a preparar-se da melhor forma para a nossa prova, quer seja um atleta que está a começar (ou a pensar fazê-lo), quer seja alguém que pretende bater os seus melhores tempos. Todas as semanas, sempre à terça-feira, com a assinatura da treinadora Diana Fernandes.)

"Não consigo evoluir na corrida. Quanto mais eu treino, mais lento estou"

Hoje vamos falar sobre algumas variáveis que, ao serem modificadas, podem fazer com que não estejas estagnado e percas a motivação para treinar e conquistar a tua medalha no teu ritmo de escolha.

Quando começamos a correr, sentimos que estamos numa evolução constante e quando todo o planeamento de treino está corretamente adaptado a mim continuo a criar adaptações e melhorar os meus tempos na corrida.

Porém, nem sempre é assim, e quando começo a sentir que estou estagnado tenho de ter atenção para ver se não estou a cometer algum dos seguintes erros:

1. Correr sempre na mesma intensidade: Existem 5 estímulos diferentes que não podem faltar na tua corrida (já escrevi sobre isso na série de artigos). O teu corpo precisa de estímulos para evoluir.

2. Baixo volume de treino: Se eu corro 30k por semana, vou ter um estado de condição física, se correr 70k vou ter outro. Porém é importante que este volume seja aumentado de forma progressiva e adaptado ao estilo de vida de cada um.

3. Não respeitar o descanso: ele é tão importante como a nutrição. Sem ele não haverá regeneração e adaptações suficientes para melhorar a corrida.

4. Participar em demasiadas provas sempre com a mesma intensidade: Nem todas as provas deverão ser feitas com a intensidade máxima. Temos de escolher quais serão as que participaremos somente como treino, as que participaremos como teste e as que serão a nossa prova alvo (isso também daria um bom tema de conversa)

5. Não ser consistente nos treinos: Esse é um dos principais motivos para que a progressão na corrida não aconteça. E não estou a falar propriamente de dias ou semanas de consistência. Estou a falar de meses/anos.

Existirão sempre períodos mais complicados, por isso, é importante estar atento aos 5 pontos que mencionei anteriormente e ter sempre uma boa comunicação com o treinador, de forma a que o plano possa ser revisto e novamente adaptado às tuas necessidades.

Espero-vos na próxima publicação.

Bons treinos
Diana Fernandes (La Coach)

Deixe o seu comentário
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de São Silvestre El Corte Inglés

Notícias