Jürgen Klopp compara despedimento de Ranieri a…Trump e ao Brexit

Treinador do Liverpool diz que “têm acontecido coisas estranhas”

• Foto: Reuters

A lei de Murphy - que defende que tudo o que tem para correr mal correrá pior - parece ser levada a sério por Jürgen Klopp, treinador do Liverpool. Depois do despedimento de Claudio Ranieri, o treinador alemão comparou este acontecimento a outras "coisas estranhas" que têm acontecido entre 2016 e 2017.

"Coisas como esta têm acontecido e não só no futebol. Muitas coisas estranhas têm acontecido entre 2016/2017. Brexit, Trump, Ranieri… Não faço ideia do porquê de o Leicester ter tomado esta decisão. Toda a gente sabe qual é a posição deles na Premier League e como eles estão na Champions, mas não estamos lá dentro", começou por afirmar na conferência de imprensa de antevisão ao jogo da próxima segunda-feira, precisamente frente ao… Leicester.

O alemão prosseguiu, demonstrando a estranheza pela decisão, mas reforçando a ideia de que não mudará a forma como o Liverpool irá encarar o jogo.

"Não sei o que terá acontecido, talvez devessem ir à conferência de imprensa do Leicester perguntar-lhes isso. Não muda muito para nós, mas veremos. Não sabemos o que devemos esperar. Vimos o jogo da Champions [perderam 2-1 frente ao Sevilha] e como eles reagiram depois de marcar. Foi um jogo completamente diferente", constatou.

Por fim, falou da "pessoa especial" que Ranieri era no ramo, relembrando a conversa que tiveram no tempo em que estava no Borussia Dortmund e o italiano foi visita-lo.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Inglaterra

Notícias

Notícias Mais Vistas