João Paulo Rebelo: «Augusto Baganha sabia que ia ser destituído há mais de dois meses»

Secretário de Estado diz ainda que o regulamento de utilização e segurança do Benfica é legal

• Foto: Bruno Teixeira Pires

O Secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, contou a Record que a destituição de Augusto Baganha tinha sido acordada por ambos dois meses antes da sua retirada da presidência do Instituto Português do Desporto e da Juventude (IPDJ).

"Eu tive a primeira conversa com o Dr. Augusto Baganha acerca das mudanças que iriam ocorrer no IPDJ no dia 19 de Junho. Há um documento que foi entregue ao Dr. Augusto Baganha, no dia 20 de agosto, documento que ele assinou aceitando e comprovando a sua entrega em que lhe é dito que havia a intenção de dissolução do conselho directivo. O Dr. Augusto Baganha já sabia desde junho, são mais de dois meses", descreveu.

Em relação à polémica sobre as claques do Benfica, o Secretário de Estado diz que o regulamento de utilização e segurança do Benfica está em conformidade com a lei, algo que não acontecia antes da sua chegada ao Governo em 2016.

"O Benfica tinha um regulamento de utilização e segurança aprovado pelo IPDJ [em 2014]. Esse regulamento não estava em conformidade com a lei e por isso permitia a e dava a possibilidade ao Benfica de se defender com base num artigo que havia nesse regulamento das questão das claques e dos grupos organizados de adeptos. A dada altura, dei uma orientação clara… O Benfica tem que alterar o regulamento como é evidente. É no processo de dizer ao Benfica que este regulamento não está em conformidade que o Dr. Augusto Baganha diz que há uma intervenção do Dr. Vítor Pataco. Ora o Dr. Vítor Pataco tinha acabado de chegar ao IPDJ, mas de qualquer maneira isso é um assunto de 2016 e 2017 que está ultrapassado. O Benfica tem hoje um regulamento de utilização e segurança em conformidade com a lei, o que permite que os autos de notícia que são levantados pelos agentes de segurança quando há infrações à lei tenham sequência e originem contra ordenações por parte do IPDJ".

Autor: R.G.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Modalidades

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.