Record

Federação Internacional sai em defesa de Carlos Ramos

Organismo emitiu comunicado a reagir à polémica

• Foto: USA Today Sports
A Federação Internacional de Ténis (ITF) saiu esta segunda-feira em defesa do juiz de cadeira português Carlos Ramos, na sequência do incidente com Serena Williams, considerando que este tomou as suas decisões com base nas regras em vigor e defendeu que a sua postura foi sempre pautada pelo "profissionalismo e integridade".

"O Carlos Ramos é um dos mais experientes e respeitados juízes de cadeira do ténis. As suas decisões foram tomadas de acordo com as regras e acabaram por ser 'reforçadas' pela decisão do US Open em punir Serena Williams com três sanções. Compreende-se que este incidente lamentável provoque debates. Ao mesmo tempo, é importante lembrar que o Sr. Ramos assumiu as suas funções enquanto juiz de acordo com um livro de regras e agiu sempre com profissionalismo e integridade", pode ler-se na nota da ITF.

Lembre-se que já este domingo o WTA (o circuito feminino de ténis) tinha colocado em causa o trabalho do juiz português, ao colocar-se ao lado de Serena Williams.
Por Fábio Lima
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Ténis

Notícias

Notícias Mais Vistas

M