Petro de Luanda isolado no topo do Girabola à espera do 1.º de Agosto

Após o empate a um golo com o Sporting de Cabinda

PUB

O Petro de Luanda isolou-se este domingo na liderança do principal campeonato angolano com um empate (1-1) que pode comprometer o primeiro lugar no Girabola já na próxima jornada, de folga para os 'petrolíferos'.

As equipas do Petro e do 1.º de Agosto entraram para esta jornada 22 com os mesmos 39 pontos, mas com os 'militares' de Luanda a folgarem, devido às alterações de calendário provocadas pela desistência do JGM do Huambo, o mesmo acontecendo na próxima ronda com os 'petrolíferos'.

Com o resultado de hoje, o Petro de Luanda assume a liderança isolada do Girabola, com mais um ponto do que o 1.º de Agosto, que a pode recuperar já na próxima jornada, em caso de vitória.

À espreita seguem os 'polícias' do Interclube, que, no sábado, venceram no Luena, leste de Angola, o Bravos do Maquis, por 1-0, mantendo intacto o sonho do título, agora a três pontos do líder.

Ainda nos jogos de hoje, destaque para os empates, na província de Benguela, entre Académica do Lobito e Desportivo da Huíla (0-0) e entre o 1.º de Maio e o Sagrada Esperança (2-2).

A jornada 22 só termina na segunda-feira, com a receção do Kabuscorp do Palanca, no estádio dos Coqueiros, centro de Luanda, aos vizinhos do Domant FC, da província do Bengo.

Resultados da 22.ª jornada:

- Sábado, 07 jul:

Bravos do Maquis - Interclube, 0-1 .

Recreativo do Libolo - Recreativo da Caála, 4-1.

- Domingo, 08 jul:

Sporting de Cabinda - Petro de Luanda, 1-1.

Académica do Lobito - Desportivo da Huíla, 0-0.

1.º de Maio - Sagrada Esperança, 2-2.

Progresso do Sambizanga - Cuando Cubango, 1-0.

- Segunda-feira, 09 jul:

Kabuscorp do Palanca - Domant do Bengo.


Classificação:

1. Petro de Luanda, 40 pontos.

2. 1.º de Agosto, 39.

3. Interclube, 37.

4. Desportivo da Huíla, 32.

5. Académica do Lobito, 27.

6. Sporting de Cabinda, 27.

7. Sagrada Esperança, 26.

8. Recreativo do Libolo, 25.

9. Progresso do Sambizanga, 25.

10. Cuando Cubango FC, 21.

11. Kabuscorp do Palanca, 20 (menos um jogo).

12. Bravos do Maquis, 20.

13. 1.º de Maio, 18.

14. Domant FC do Bengo, 17 (menos um jogo).

15. Recreativo da Caála, 16.

16. JGM do Huambo (desistência).

Por Lusa
Deixe o seu comentário
PUB