Autárquicas: Candidato do PSD/CDS-PP em Oeiras assume derrota e felicita Isaltino Morais

Ângelo Pereira sublinhou que apresentou o "melhor programa eleitoral"

O candidato da coligação PSD/CDS-PP/PPM à Câmara de Oeiras, Ângelo Pereira, assumiu este domingo a derrota por não ter conseguido alcançar o "principal objetivo" que era ser presidente da autarquia e felicitou o eleito, Isaltino Morais.

"À luz das primeiras projeções eleitorais, tudo indica que a coligação OeirasFeliz.Com (PPD/PSD-CDS/PP-PPM) não alcançou o seu objetivo principal: vencer a Câmara Municipal de Oeiras, a Assembleia Municipal e as 5 (cinco) Assembleias de Freguesia", refere o candidato em comunicado.

Ângelo Pereira sublinha, contudo, que a equipa que apresentou foi "a melhor" e com o "melhor programa eleitoral para Oeiras".

"Do nosso lado, foi uma campanha positiva, sem ataques pessoais e a pensar exclusivamente no melhor para Oeiras e para os seus munícipes. Nos mandatos que conquistámos, iremos dar sequência aos princípios defendidos durante a campanha eleitoral e tudo faremos para que o nosso plano estratégico seja implementado", acrescenta.

Na mesma nota, Ângelo Pereira felicita "o novo presidente da Câmara Municipal de Oeiras eleito, doutor Isaltino Morais, e todos os restantes autarcas eleitos".

De acordo com as projeções televisivas, as projeções televisivas dão a vitória ao candidato do movimento independente Inovar Oeiras de Volta, com votação entre 42,2 e 47,2% (entre seis a sete vereadores), ou seja, maioria absoluta, derrotando o seu antigo número 2, Paulo Vistas, que lidera atualmente o executivo.

Isaltino Morais foi presidente da Câmara de Oeiras durante mais de duas décadas, tendo interrompido o mandato, em 2013, para cumprir pena de prisão por crime de fraude fiscal e branqueamento de capitais. Foi condenado a dois anos de prisão efetiva, mas um ano depois saiu em liberdade para cumprir o resto da pena em casa.

Candidataram-se também à Câmara de Oeiras Paulo Vistas (Independentes, Oeiras Mais À Frente), Joaquim Raposo (PS), Ângelo Pereira (PSD/CDS-PP/PPM), Sónia Gonçalves (Renascer Oeiras 2017), Heloísa Apolónia (CDU), Miguel Pinto (BE), Pedro Torres (PAN), Safaa Dib (Livre), Isabel Sande e Castro (Nós, Cidadãos!), Pedro Perestrello (PNR), André Madaleno (PTP) e Alda Gameiro (PCTP/MRPP).

Por Lusa
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.