DBRS sobe rating de Portugal para dois níveis acima de lixo

A perspectiva manteve-se estável

A agência de rating canadiana Dominion Bond Rating Service (DBRS) subiu a classificação da dívida soberana portuguesa em um nível, para o penúltimo nível do grau de investimento, de "BBB" (baixo) para "BBB".

A agência canadiana sempre classificou a dívida portuguesa no grau de investimento de qualidade (o que permitiu ao país aceder ao programa do BCE) e com esta decisão coloca o rating de Portugal dois níveis acima de lixo, um patamar onde também a Fitch coloca a dívida portuguesa. A tendência do "rating" é estável, o que indicia que a DBRS não conta alterar o rating de Portugal no curto prazo.

No comunicado onde justifica a decisão, a DBRS diz que este "upgrade" reflecte a "melhoria" da perspectiva para a sustentabilidade da dívida portuguesa.  A agência canadiana também elogia a melhoria mais duradoura das contas públicas portuguesas, que são suportadas por uma trajectória descendente no rácio da dívida pública.

Este desceu de 130% entre 2014 e 2016 para 125,7% do PIB no ano passado e as perspectivas apontam para que continue a descer, assinala a DBRS, destacando que Portugal continua a promover uma "disciplina orçamental", ao mesmo tempo que reduz os seus custos de financiamento.

No que diz respeito à evolução da economia portuguesa, a DBRS assinala que "continua a crescer a um ritmo contínuo" e destaca que na área da banca, o crédito malparado (NPL) está a descer.

Autor: Nuno Carregueiro/Negócios

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias