Megaoperação contra No Name Boys: PSP fala em "extrema violência" e admite mais detenções

Investigação decorria desde maio de 2019

A carregar o vídeo ...
PSP mostra material apreendido em megaoperação contra No Name Boys

A Polícia de Segurança Pública confirmou esta manhã a detenção de sete pessoas com ligações aos No Name Boys, seis hoje e uma ontem no âmbito da operação "Sem Rosto", que decorre desde maio de 2019. O comissário Bruno Pereira admitiu que ainda possam haver mais.

Na conferência de imprensa, Bruno Pereira rotulou de "extrema violência" algumas das ações das quais os detidos são suspeitos. Em causa estão "um crime de homicídio na forma tentada, crimes de roubo, agressão qualificada, dano e furto". 

De acordo com o comissário, os agressores "Tinham conhecimento prévio de moradas, veículos e rotinas"  das vítimas.

"Estamos a falar de situações muito particulares, com agressões múltiplas, em que as vítimas estiveram em risco de vida", frisou.

24
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.