Mulher que acusa Cristiano Ronaldo de violação exige mais de 64 milhões de euros

Pede indemnização por "dor e sofrimento" causados

Kathryn Mayorga
Kathryn Mayorga

Kathryn Mayorga, a mulher que acusa Cristiano Ronaldo de a ter violado em 2009, exige que o futebolista pague 56 milhões de libras, o equivalente mais de 64 milhões de euros, como indemnização por "dor e sofrimento" causados. 

De acordo com o jornal britânico Mirror, documentos judiciais revelam a quantia que a ex-modelo procura após acusar o jogador de futebol de agressão sexual num quarto de hotel em Las Vegas, após se encontrar com o craque numa saída à noite em 2009.

Mayorga quer 18 milhões de libras por "dor e sofrimento passados", outros 18 milhõesde libras por "dor e sofrimento futuros" e ainda outros 18 milhões por "danos punitivos", o que perfaz 54 milhões de libras. Sendo que as despesas jurídicas do jogador e em honorários para advogados ascende a 2,5 milhões de libras, totaliza-se 56,5 milhões de libras. 

Ronaldo, de 36 anos, nega veemente as afirmações de Mayorga.

 

Por Correio da Manhã
19
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.