Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União: veja as imagens

Presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos reagiu ao comportamento do presidente norte-americano

Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União
Nancy Pelosi rasga discurso de Donald Trump após Estado da União

A tensão entre Nancy Pelosi e Donald Trump não passa despercebida aos olhos do mundo e esta terça-feira escalou com o comportamento da presidente da Câmara dos Representantes dos Estados Unidos e do presidente norte-americano. 

Pela segunda vez na história (Bill Clinton fê-lo em 1999), um Presidente dos Estados Unidos fez o discurso anual do Estado da União durante um processo de impeachment em que o seu cargo está a ser posto em causa. Este ano, esperava-se que o presidente aproveitasse o momento para se defender face às acusações de abuso de poder de que é alvo, no entanto, o foco acabou por ser outro. 
Ao chegar à tribuna para falar diante do Congresso, Trump protagonizou o primeiro momento de tensão da noite ao não cumprimentar Nancy Pelosi deixando-a de mão estendida. 

Como resposta, após o final do discurso do presidente dos EUA, Pelosi agarrou nas folhas de Trump e rasgou-as à frente do Congresso. 

Segundo a CNN, canal de notícias americanoque cita uma fontea atitude não terá planeada, e Pelosi justificou-se perante um produtor da Fox News: "Foi a coisa mais cortês que eu poderia fazer considerando as alternativas".

O caso de impeachment tem sido o catalizador para a relação entre Trump e Pelosi ter vindo a tornar-se cada vez mais acesa

Donald Trump disse, no seu discurso, que tinha sido uma grande melhoria em relação ao presidente democrata Barack Obama, dizendo que havia reforçado o crescimento económico dos EUA e aumentado o emprego.

"Em apenas três curtos anos, destruímos a mentalidade do declínio americano e rejeitamos o 'downsizing' do destino americano", disse sublinhado ainda que atualmente "o Estado da União é mais forte do que nunca". 

Por Correio da Manhã
13
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.