Ricardo Quaresma: «Família Quaresma sempre soube estar do lado certo da história»

Futebolista português volta a vincar as origens no combate ao racismo e recorda tio-avô Alfredo

• Foto: Manuel Araújo

Ricardo Quaresma voltou às redes sociais para vincar as suas origens. Depois de ter sublinhado o facto de ser cigano com orgulho, o extremo português recordou o passado futebolístico da família, mais propriamente o de ter tido Alfredo Quaresma como tio-avô. 

"Ontem como hoje, a família Quaresma sempre soube estar do lado certo da história. E nunca se vergou nem teve medo de dizer não ao racismo", escreveu o internacional português a que juntou duas outras 'hashtags': "Diz não ao racismo" e "Diz chega ao Ventura".



Na partilha feita pelo jogador que atualmente veste a camisola do Kasimpa vinca-se o momento em que o tio-avô Alfredo recusou fazer a saudação nazi em 1938, num embate entre seleções de Portugal e Espanha, por alturas da guerra civil espanhola.

Recorde-se que na última terça-feira, o futebolista, de 36 anos, deixou clara a sua posição contra o "populismo racista" do deputado André Ventura, posição que mereceu a aprovação de várias dezenas de figuras do futebol português.

Por Flávio Miguel Silva
1
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Fora de Campo

Notícias

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.

0