Árbitros vão passar a receber formação para salvar vidas

Iniciativa arranca já nos cursos de preparação para a nova época

José Fontelas Gomes
José Fontelas Gomes • Foto: Paulo Costa Dias

Os árbitros de todas as categorias dos escalões nacionais vão ser dotados de conhecimentos em Suporte Básico de Vida e Desfibrilhação Automática Externa, de forma a estarem preparados para quaisquer ocorrências nos jogos em que sejam intervenientes, informa a federação.

A formação começará nos cursos de arbitragem que terão lugar durante as próximas semanas, a tempo do início da nova temporada desportiva.

O projeto manter-se-á nos próximos anos. "O objetivo é formar os árbitros que dirigem os jogos das provas nacionais, permitindo-lhes intervir em situações de perigo de vida dos mais diversos protagonistas dos jogos de futebol e futsal", afirmou José Fontelas Gomes, presidente do Conselho de Arbitragem, em declarações ao site oficial da FPF.

Os cursos vão iniciar-se já em meados de julho, com os 96 árbitros e assistentes que fazem parte das categorias C1Pro, AAC1, C1, AAC2 e VAR, e continuam no início de agosto com a categoria C2 futebol, num total de 70 árbitros, prosseguindo com as categorias CF1 e CF2, num total de 50 árbitras em finais de agosto. A estes 216 árbitros e assistentes vão juntar-se mais 177 árbitros de futsal, cujos cursos estão ainda por calendarizar. Feitas as contas, a formação vai envolver quase 400 elementos apenas neste Verão.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Arbitragem

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.