Solange Carvalhas: «Vê-se receio na cara das pessoas na Bélgica»

Internacional portuguesa joga no Anderlecht

• Foto: Nuno Abreu

A internacional portuguesa Solange Carvalhas, jogadora do Anderlecht, vive fora de Bruxelas mas treina todos os dias nas instalações do clube na capital belga. "As coisas não estão fáceis. Estava em casa e soube dos atentados pelas notícias na televisão. O país parou todo e os treinos da equipa foram cancelados", afirmou a Record a jogadora de 23 anos.

A viver na Bélgica desde 2014, a avançada admite que nada será como dantes no país, depois dos atentados que fizeram mais de três dezenas de mortos e duas centenas e meia de feridos. "Todos tentam fazer a sua vida mas, claro que existe um clima de medo e de desconfiança em relação aos árabes e aos muçulmanos. As pessoas têm receio, mas também um sentimento de impotência, sinto isso… Queremos não parar a nossa vida, mas somos obrigados", acrescenta Solange que ontem só saiu à rua para ir ao café. "Vê-se receio na cara das pessoas."

O campeonato feminino belga vai parar no próximo fim-de-semana devido à Páscoa, mas a jogadora quer regressar aos treinos o mais depressa possível. "Tenho receio, mas não tenho medo nem vou deixar de fazer a minha vida", diz. De resto, "vamos em 1.º lugar, na luta pelo título de campeãs e estamos na final da Taça da Bélgica. Este está a ser um ano coletivamente e individualmente muito bom", conclui.

Por Paulo Quental
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Futebol Feminino

Notícias

Notícias Mais Vistas