Estoril-FC Porto B, 1-1: empate em jogo com final polémico

Canarinhos marcaram aos 90'+10 num penálti que deu que falar

O Estoril salvou esta segunda-feira um ponto na corrida pela subida, ao alcançar um empate (1-1) com o FC Porto B, em jogo da 12.ª jornada da Segunda Liga, com André Clóvis a marcar nos descontos.

O embate entre primeiro e 13.º classificados do segundo escalão ficou também marcado pelos ânimos exaltados que se seguiram ao golo estorilista, na sequência de uma grande penalidade sobre Soria muito contestada pelos portistas junto da equipa de arbitragem e que redundou em alguns empurrões. O árbitro Carlos Macedo expulsou mesmo Paulinho Santos, membro da equipa técnica azul e branca.

Até então, a história do encontro resumia-se essencialmente ao golo de Francisco Conceição, aos 39, que deu vantagem aos 'bês' portistas, numa excelente jogada individual culminada num remate duplamente desviado por Joãozinho e Hugo Gomes para a baliza dos anfitriões.

O golo obrigou o Estoril a assumir mais a iniciativa e a sair da sua zona de conforto, na qual não se importa de ceder domínio para ferir o adversário em ataques rápidos e cirúrgicos.

Contudo, o ataque da equipa orientada por Bruno Pinheiro encontrou em Cláudio Ramos um muro que só seria vencido à lei do penálti, com o guardião português a fazer várias intervenções de grande nível. O balanceamento ofensivo deixou também o Estoril à mercê de contra-ataques rápidos de Francisco Conceição e Gonçalo Borges, mas sem a necessária eficácia para sentenciar o jogo.

Com a margem mínima a deixar tudo em aberto, a decisão viria numa polémica grande penalidade ao 10.º minuto além dos 90, que premiou o esforço do Estoril e foi muito penalizadora para um FC Porto B que ficou a segundos de conseguir o seu segundo triunfo fora de portas. Com este empate, o Estoril mantém a liderança com 27 pontos e o FC Porto B ocupa agora o 13.º posto, com 11 pontos.

Jogo no Estádio António Coimbra da Mota, na Amoreira.

Estoril -- FC Porto B, 1-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Francisco Conceição, 39 minutos.

1-1, André Clóvis, 90+10 (grande penalidade).

Equipas:

- Estoril: Dani Figueira, Carles Soria, Hugo Basto, Hugo Gomes, Joãozinho (André Clóvis, 86), João Gamboa, Rosier (Lazare, 66), André Franco, Harramiz, Vidigal (Chiquinho, 77) e Yakubu Aziz (Murilo, 87).

(Suplentes: Thiago, Vital, Chiquinho, Empis, Bruno Lourenço, Murilo, Hodzic, Lazare e André Clóvis).

Treinador: Bruno Pinheiro.

- FC Porto B: Cláudio Ramos, Francisco Conceição (Rafael Pereira, 90+1), João Marcelo, Gonçalo Borges (Boateng, 90+4), Diogo Bessa, Pedro Justiniano, Tiago Matos, Rodrigo Valente, Rodrigo Conceição, Namaso (Ivan Cássio, 80) e Johan Gomez.

(Suplentes: Ivan Cardoso, Ndiaye, Rafael Pereira, Rodrigo Pinheiro, Carlos Gabriel, Boateng, Meneses, Diogo Ressurreição e Igor Cássio).

Treinador: Rui Barros.

Árbitro: Carlos Macedo (AF Braga).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Harramiz (85), Johan Gómez (89), Rodrigo Conceição (90+9) e Ndiaye (90+10).

Assistência: Jogo à porta fechada devido à pandemia de covid-19.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de 2ª Liga

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.