Rui Barros: «Um escândalo. Se quiserem acabar com as equipas B, damos os pontos de borla»

Treinador do FC Porto B não esconde a revolta com a arbitragem após empate no Estoril

• Foto: Paulo Calado

Rui Barros não escondeu a revolta do FC Porto B após o empate no Estoril (1-1). Os dragões sofreram o golo da igualdade nos descontos, de penálti, decisão que o treinador portista criticou de forma dura, acusando o juiz Carlos Macedo de apitar "sem saber o que estava a marcar".

"Já só há FC Porto e Benfica com equipas B na 2ª Liga. Se alguém quiser acabar com as equipas B, nós damos os pontos de borla. Foi um escândalo. Não justificava este tempo todo e ele apitou sem saber o que estava a marcar. Isto não é um árbitro. Não segue as jogadas e marca uma coisa a prejudicar uma equipa. Foi desolador. Os miúdos no balneário estão revoltadíssimos. Temos culpa da posição que ocupamos, mas vimos aqui, fazemos o que fizemos, sofremos de penálti, foi revoltante e um escândalo. O Estoril não tem culpa nenhuma, é só do árbitro", disse Rui Barros na conferência de imprensa que se seguiu ao encontro.

Revolta do FC Porto B no Estoril e filho de Sérgio Conceição desesperado: «Lá fora, lá fora!»

Por Record
33
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de FC Porto B

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.