FPF incentiva AF Porto a tomar medidas

Em causa a agressão a árbitro no Rio Tinto-Canelas Gaia

• Foto: João Duarte

Através de comunicado, a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) condenou as agressões ao árbitro do encontro entre Rio Tinto-Canelas, referindo ter já entrado em contacto com a Associação de Futebol do Porto para que sejam enviados todos os dados relativos a este incidente "no mais curto espaço de tempo". Na mesma nota, a FPF assegura que "agirá para que este e todos os atos que atentem contra o desporto e a sua essência sejam punidos de forma exemplar e dissuasora" e dá ainda conta de que irá apoiar e incentivar a "Associação de Futebol do Porto a tomar medidas para que nunca mais se vejam atos como aquele" que se assistiu em Rio Tinto.

Leia o comunicado:

"A Federação Portuguesa de Futebol, tendo tomado conhecimento dos factos ocorridos hoje no Rio Tinto – Canelas 2010, do Campeonato D`Elite Pro-Nacional (AF Porto), informa que:

1) lamenta e repudia, de forma veemente, a agressão de que o árbitro José Rodrigues foi vítima;

2) contactou o presidente da Associação de Futebol do Porto, organizadora da prova em que se insere o jogo em referência, e acordou com a AFP na remessa imediata para a FPF de todas as informações relevantes no mais curto espaço de tempo;

3) o Conselho de Arbitragem tem acompanhado o árbitro José Rodrigues, vítima da agressão a que todos assistimos;

4) agradece a pronta intervenção dos inúmeros agentes de autoridade presentes no local;

5) agirá para que este e todos os atos que atentem contra o desporto e a sua essência – como, infelizmente, já aconteceu esta época -sejam punidos de forma exemplar e dissuasora;

6) apoia e incentiva a Associação de Futebol do Porto a tomar medidas para que nunca mais se vejam atos como aquele a que esta tarde pudemos assistir."

6
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Coluna Distrital

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2020. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.