Record

Helton virou avançado

Faz agora parte dos veteranos

• Foto: Ricardo Jr
Helton está de regresso aos relvados aos 39 anos, mas como avançado. O brasileiro notabilizou-se pela longevidade que demonstrou durante as onze temporadas em que teve a missão de defender a baliza do FC Porto, mas aceitou o convite dos veteranos do Canidelo, formação de Vila Nova de Gaia, e estreou-se ontem na vitória (4-1) frente ao Vilanovense para o campeonato ‘As Árvores Morrem de Pé’.

Um ano e meio é o tempo que separa o guardião profissional que foi titular pelos dragões no final da Taça de Portugal frente ao Sp. Braga, em maio de 2016, do Helton avançado que ontem vestiu a camisola do Canidelo pela primeira vez.

Aposta insólita relacionada com a amizade estabelecida com o clube da freguesia onde reside em Gaia e com frutos imediatos. Isto porque, apesar de ter começado o jogo no banco de suplentes, Helton jogou toda a 2ª parte e foi determinante com uma assistência açucarada para o 3º golo do Canidelo, isto depois de um drible sobre o guardião do Vilanovense num lance que acabou por sentenciar o curso do jogo.
Por Pedro Malacó
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Futebol Nacional

Tozé a toda a linha

Influência do criativo é por demais evidente, seja a jogar no miolo ou nas alas do ataque
Notícias

Notícias Mais Vistas

M