Kimmich sem medo de Mbappé ou Neymar

Defesa alemão quer conquistar a prova milionária

• Foto: Direitos reservados

Joshua Kimmich expressou este sábado a ambição de conquistar a Liga dos Campeões, competição que considerou "mágica", aproveitando que está mais perto do troféu.

"A Liga dos Campeões é mágica, ao nível de clubes não há uma competição maior e é uma pena estarmos a disputá-la sem espetadores. Esta é uma grande oportunidade, chegámos à final, estamos mais perto do troféu e queremos conquistá-lo. A geração anterior teve de esperar pela segunda, nós queremos consegui-lo à primeira", referiu o lateral direito, aludindo à equipa bávara que venceu a prova em 2013, depois da derrota em 2012.

Na conferência de imprensa de antevisão da final frente ao PSG, no domingo, em Lisboa, Kimmich disse esperar um jogo "de igual para igual", entre duas equipas que "mereceram" chegar a esta fase.

Kimmich disse desconhecer em que posição vai jogar, ou mesmo se vai ser titular, assegurando que espera jogar na lateral direita, onde pode deparar-se com Klylian Mbappé, a quem deixou elogios.

"Desse lado pode aparecer Neymar ou Mbappé, qualquer deles é muito bom, muito rápido, mas não me parece que mudemos alguma coisa ou nos fechemos na defesa", sublinhou o internacional alemão, reconhecendo que a preparação para o encontro decisivo foi "igual à de qualquer outro jogo da Liga dos Campeões".

PSG, estreante em finais, e Bayern Munique, cinco vezes vencedor da prova e outras tantas finalista, disputam no domingo, a partir das 20h, a final da edição de 2019/20 da Liga dos Campeões, no Estádio da Luz, em Lisboa, num encontro que vai ser arbitrado pelo italiano Daniele Orsato.

Por Lusa

Últimas Notícias

Notícias
Subscreva a newsletter

e receba as noticias em primeira mão

ver exemplo

Ultimas de Liga dos Campeões

Notícias

Notícias Mais Vistas