Adolf Hütter e o maior perigo do Benfica: «João Félix, sem dúvida...»

Técnico do Eintracht Frankfurt destaca ainda o nome de Seferovic

• Foto: Getty Images

Quinta-feira é dia do regresso da Liga Europa, com o Eintracht Frankfurt a visitar o Estádio da Luz para uma partida da 1.ª mão dos quartos-de-final que o técnico austríaco Adolf Hütter espera que seja de ataque. Na antevisão à partida, o treinador dos alemães deixou a garantia de que virá a Portugal com o objetivo de triunfar, ainda que aponte muitas qualidades ao Benfica, especialmente no plano individual, onde destaca o nome de João Félix.

"O Benfica tem muitos jogadores perigosos. João Félix, sem dúvida... O Seferovic também é um jogador que conhecemos da Bundesliga, que pode marcar golos também. Nas bolas paradas tem também jogadores fortes de cabeça. Equipa muito atacante e homogénea, mas o João Félix é o destaque tendo em conta o seu talento e a sua qualidade", começou por apontar o técnico, de 49 anos, numa conferência de imprensa na qual garantiu, mesmo assim, vontade de triunfar.

"Olhamos para o Benfica olhos nos olhos. Temos um sonho e temos de jogar no máximo e ter um bom ponto de partida para o jogo em casa. Jogámos em Marselha e sentimos que estávamos a jogar fora. Ainda assim a atmosfera aqui é espontosa e única. Espero que os adeptos façam ouvir a sua voz. É um novo desafio. Não estamos em vantagem, mas ainda assim tudo se conjuga para um bom jogo"

Podemos esperar jogo com muitos golos?

"Somos ambos treinadores de ataque, claro que há expectativas mas por vezes o jogo corre de forma inesperada. Não queremos dar espaço ao Benfica, queremos pressionar depois de perder. O Benfica tem muita qualidade, por exemplo na ala esquerda, que é muito forte, com o Grimaldo que sobe muito bem. Queremos marcar, um ou dois golos, mas também temos de defender bem. Temos de encontrar um equilíbrio, mas atacando com coragem"

Mudança de estratégia?

"Há muitas emoções. Estamos muito motivados. Não vou fazer nada de diferente. Já nos preparámos bem, analisámos bem o adversário e amanhã queremos ser uma boa oposição ao Benfica"

"Haverá situações em que podemos atacar. Mas não podemos ter abordagem passiva e achar que controlamos o jogo. Temos de atacar bem, escolher os momentos certos para tal, perturbar o Benfica no seu meio campo e quando perdermos temos de defender unidos.

Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Europa

Notícias

Notícias Mais Vistas

Copyright © 2019. Todos os direitos reservados. É expressamente proibida a reprodução na totalidade ou em parte, em qualquer tipo de suporte, sem prévia permissão por escrito da Cofina Media S.A. Consulte a Política de Privacidade Cofina.