Fábio Vieira e Diogo Queirós coincidem: «É um sentimento inexplicável»

Dupla do FC Porto marcou na final com o Chelsea

• Foto: EPA

Fábio Vieira marcou o primeiro golo na final desta segunda-feira na qual o FC Porto conquistou a Liga Jovem da UEFA e falou à Eleven Sports de um "sentimento inexplicável", expressão usada também pelo colega Diogo Queirós pouco depois.

"É um sentimento inexplicável, uma experiência que vou levar para a minha vida, ainda por cima com este símbolo, no clube onde me formei desde os oito anos. É o clube que amo, que respeito e pelo qual sempre vou dar a vida. Esta vitória é dedicada à minha família, que esteve aqui presente, e a todos os portistas que foram incansáveis. Conseguimos este título numa competição com muita visibilidade, que nos pode abrir portas. E agora vamos festejar! Vai ser toda a noite a bombar! Fomos uma equipa muito consistente. Tínhamos o objetivo de chegar à final four e depois sermos campeões. Estamos muitos felizes", referiu Vieira.

Quanto ao capitão, não escondeu a felicidade de conquistar o troféu nesta que era a sua última oportunidade de conquistar este troféu: "Era um desejo que tinha e felizmente consegui. Todos trabalhámos muito para conseguir este feito. ‘Desci’ da equipa B para dar o contributo mas os meus colegas mais novos também me ajudaram, porque eu não ia conseguir este título sozinho. Sabia que era a minha última oportunidade de jogar esta competição e foi acabar em grande, com o título nas mãos. É um sentimento inexplicável. É algo para o qual trabalhávamos há muitos anos. Felizmente conseguimos agora e estive presente para levantar o troféu".

Por Luís Miroto Simões
Deixe o seu comentário

Últimas Notícias

Notícias
SUBSCREVA A NEWSLETTER RECORD GERAL
e receba as notícias em primeira mão

Ultimas de Liga Jovem da UEFA

Notícias

Notícias Mais Vistas